Milton Mendes explica Nenê no banco do Vasco: "teve queda de forma"

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

A amarga rotina de Nenê no banco de reservas segue firme no Vasco. E pelas palavras do técnico Milton Mendes, isso deve continuar nos próximos jogos. O treinador explicou que a saída do camisa 10 tem ligação direta com a queda de rendimento apresentada pelo jogador. Além disso, o time ganhou em velocidade com as entradas de Kelvin (que se lesionou) e, agora, Manga Escobar.

"O Nenê é jogador importante para nós. Não está jogando porque teve queda de forma. Vocês mesmo falaram disso. Jamais deixamos ele de lado. Contamos sempre, falamos que não queríamos que saísse. Trabalhamos para retornar o ganho de força do jogador. Todos são importantes", disse Milton Mendes. 

"No carioca Muriqui foi titular e hoje nem foi convocado. As coisas devem ser colocadas como realmente são. Tirei Nenê porque precisávamos de mais velocidade. Conseguimos. Hoje, o Nenê demonstra que é craque. Não é porque está no banco que deixa de ser. Não é porque cai de forma, que deixa de ser craque. Tentar tirar o melhor proveito. Devemos pensar no Vasco, nossa maior estrela", completou o treinador do Vasco.

Com a vitória, o Vasco chega aos 9 pontos e assume a 8ª colocação do Campeonato Brasileiro. O Cruzmaltino volta a campo na quarta-feira, quando medirá força com a Chapecoense, na Arena Condá, em Santa Catarina.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos