Organizada do São Paulo protesta contra a diretoria na porta do Morumbi

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

  • José Eduardo Martins

    Manifestação da organizada Independente

    Manifestação da organizada Independente

A principal organizada do São Paulo, a Independente, fez um protesto na porta do Morumbi neste domingo, antes da partida contra o Atlético-MG, pelo Campeonato Brasileiro. A manifestação era contra a diretoria do clube, por conta da negociação das revelações David Neres, Lyanco e Luiz Araújo nesta temporada.  

"A Independente continuará com o movimento unidos pelo São Paulo e apoiaremos o time. Porém, a gente quer jogador, vamos cobrar jogador, reforços. E estamos protestando contra a diretoria em que sentido? Cotia recebe para quê? Nossos craques nascem em Cotia, não chegam a jogar no São Paulo e já são vendidos. Não têm vínculo algum com o clube. Isso não pode estar acontecendo. Algo de errado acontece lá", Henrique Gomes, o Baby, presidente da torcida Independente. 

No total, cerca de mil torcedores estavam na porta do estádio. Outra reivindicação era por conta da situação do zagueiro Lugano. Ídolo no clube, o zagueiro tem contrato com o São Paulo só até o fim deste mês e a diretoria ainda não definiu se vai renovar o acordo. 

"Em relação ao Lugano, queremos saber: renova ou não? Não cabe a nós. Cabe à comissão técnica e a diretoria resolverem. Mas a pergunta fica aí: sete jogos no ano por que? A gente é a favor do melhor para o São Paulo. Se ele falar que tem condições de honrar o manto, como sempre fez, a gente vai apoiar. Ele como ídolo que sofre em uma derrota, sabe se serve ou não para continuar no elenco", afirmou Henrique. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos