Com Mano suspenso, auxiliar explica opção do Cruzeiro por time reserva

Do UOL, em Belo Horizonte

Quando o Cruzeiro divulgou a escalação para o duelo com a Ponte Preta, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, a surpresa foi geral. Da equipe que empatou em 3 a 3 com o Grêmio, três dias antes, apenas dois titulares foram mantidos no time. O goleiro Fábio e o zagueiro Kunty Caicedo. Portanto, foram nove alterações no time que saiu derrotado por 1 a 0 no Moisés Lucarelli, nesta noite de quinta-feira.

Como Mano Menezes foi expulso no empate com o Grêmio, quem ficou no banco de reservas foi o auxiliar técnico Sidney Lobo. Mano acompanhou a partida em uma das cabines do Moisés Lucarelli, sempre em pé, quando era mostrado durante a transmissão do jogo. Como parte da punição, Mano Menezes sequer pôde dar a coletiva ao término da partida.

Responsabilidade que também coube a Sidney Lobo, que então explicou o motivo de a decisão técnica do Cruzeiro optar por uma escalação tão modificada para o confronto com a Ponte Preta.

"A decisão que nós tomamos foi exatamente para dar condições para esses atletas que vêm treinando no dia a dia. São jogadores que já foram titulares da equipe. Foi em função muito do desgaste que estava tendo e da confiança que temos em todos os jogadores. Já temos um confronto difícil com o Coritiba. A Ponte Preta teve dois dias a mais para recuperar. Não tem jeito, depois já tem a Copa do Brasil. A decisão foi essa, e o que me deixa mais feliz e satisfeito é que os jogadores que entraram foram muito bem", disse o auxiliar técnico de Mano Menezes, que falou também sobre o desgaste do time após o empate com o Grêmio, nessa segunda-feira, no Mineirão.

"Foi a estratégia que nós usamos, até porque foi muito forte o jogo de segunda-feira, e um tempo muito curto para recuperação. Era essencial. E a resposta dos atletas, se a gente analisar o jogo, foi muito boa".

Com a derrota, o Cruzeiro caiu quatro posições e está no 12º lugar, com 11 pontos. Neste momento, após nova rodadas, o time celeste se encontra mais perto da zona do rebaixamento, com dois pontos a mais do que o Sport, do que do G6, três pontos atrás do Fluminense. Na próxima rodada, o Cruzeiro recebe o Coritiba, no domingo, às 16h, no Mineirão.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos