Ponta, pai x filho, técnico em risco: 'super domingo' do BR promete ferver

Do UOL, em São Paulo

  • Marcello Zambrana/AGIF

Não há dúvidas de que a maior parte das atenções deste domingo estarão voltadas para o jogo entre Grêmio e Corinthians, na Arena Grêmio. No entanto, outras sete partidas nesse 'super domingo' do Brasileiro prometem agitar a 10ª rodada do campeonato. Um dos fatores é o risco que alguns treinadores já correm e também o fato de quatro clubes (Coritiba, Flamengo, Fluminense e Ponte Preta ou Palmeiras) poderem virar o novo terceiro colocado após a derrota do Santos para o Sport.

A rodada ficará completa na segunda-feira (26) após Botafogo x Avaí.

Confira abaixo o que estará em jogo nesse 'super domingo':

São Paulo x Fluminense (16h, Morumbi)

Diante da sua torcida, o São Paulo tentará quebrar a sequência de 4 jogos sem vitória ao receber o Fluminense no Morumbi. Pressionado pelo mau desempenho durante o ano, Rogério Ceni pode ficar ainda mais instável no cargo de técnico caso o 14º colocado caia ainda mais na tabela. Do outro lado, os visitantes precisam da vitória para seguirem no G-6 do torneio e contarão com Henrique Dourado, artilheiro do campeonato com 9 gols.

Cruzeiro x Coritiba (16h, Mineirão)

Além de Rogério Ceni, outro técnico que vai para o jogo de domingo pressionado é Mano Menezes. O 12º lugar no Brasileiro deixa o clube numa situação desconfortável para o jogo do Mineirão, e a volta de Henrique poderá dar mais segurança à defesa celeste. Já o visitante irá a Belo Horizonte para se recuperar da derrota para o Grêmio e voltar a um dos 4 primeiros postos da competição. Para isso, o técnico Pachequinho contará com a volta de Kleber Gladiador, que estava suspenso.

Chapecoense x Atlético-MG (19h, Arena Condá)

Nem mesmo a pressão pela 16ª colocação no Brasileiro fez Roger Machado deixar a ousadia de lado para a partida contra a Chapecoense. Visando o jogo de quarta pela Libertadores, o técnico deve levar a campo um time reserva, e inclusive deve promover a estreia de Matheus Mancini, justamente no duelo contra o time comandado pelo seu pai. Já a equipe dona da casa conta com a força de sua torcida na Arena Condá para recuperar da goleada sofrida contra o Flamengo. A dor da cabeça de Vagner Mancini pode ser Victor Ramos, que é dúvida para o confronto.

Bruno Cantini/Divulgação/Atlético-MG
Matheus Mancini vai estrear contra a Chape, comandada pelo pai Vagner Mancini

Ponte Preta x Palmeiras (16h, Moisés Lucarelli)

Podendo entrar no G6 já neste domingo, o Palmeiras vai a Campinas enfrentar a Ponte Preta em busca da terceira vitória consecutiva. Além da possibilidade de Borja ser mais uma vez titular, o técnico Cuca pode promover a estreia do volante Bruno Henrique. Também na luta para ficar na zona de classificação da Libertadores, a Ponte conta com a boa fase de três ex-jogadores do Corinthians para superar os visitantes: Emerson Sheik, Claudinho e o vice-artilheiro do torneio Lucca são as armas ofensivas de Gilson Kleina.

Bahia x Flamengo (18h30, Fonte Nova)

As boas apresentações e a goleada por 5 a 1 contra a Chapecoense voltaram a amenizar a relação conflituosa da torcida do Flamengo com o técnico Zé Ricardo. Para o jogo, a equipe pode ter uma dupla de zaga diferente do último jogo, e Éverton Ribeiro dividindo o protagonismo com Diego e Paolo Guerrero. Próximo da zona do rebaixamento, o Bahia espera afastar a má fase e voltar a vencer diante dos torcedores na Arena Fonte Nova. No entanto, o técnico Jorginho não terá a presença de Renê Junior, suspenso após expulsão contra o Corinthians.

Gilvan de Souza/ Flamengo
Éverton Ribeiro deve estrear contra o Bahia

Atlético-PR x Vitória (16h, Arena da Baixada)

Após um início ruim, o Atlético-PR mostrou poder de reação e espera chegar a sua quarta vitória consecutiva em jogo contra o Vitória. Com o time completo, a equipe de Eduardo Baptista pretende ficar cada vez mais longe das últimas colocações. E é justamente da zona do rebaixamento que o Vitória pretende deixar fora de casa. No entanto, a grama sintética da Arena da Baixada e a ausência de Neilton podem dificultar o trabalho do técnico Alexandre Gallo.

Vasco x Atlético-GO (11h, São Januário)

O Atlético-GO é o segundo pior time nesse começo de campeonato e sabe que precisa começar a reagir o quanto antes. Até o momento só está um ponto à frente do Avaí. Já o Vasco tenta não se distanciar do G-6. Com 12 pontos pode dar um importante salto na tabela se ganhar e contar com tropeços de rivais.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos