Após vencer o pai, zagueiro do Atlético-MG diz que vai pagar o jantar

Do UOL, em Belo Horizonte

Uma noite mais do que especial para Matheus Mancini. Assim o zagueiro de 22 anos pode descrever a vitória do Atlético-MG sobre a Chapecoense, por 1 a 0, na Arena Condá, em Chapecó, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro. Além de estrear pelo clube mineiro, Matheus Mancini ainda venceu seu pai, Vagner Mancini, o treinador da Chape.

Ingredientes que tornaram a partida diferente para o jogador que chegou à Cidade do Galo após disputar o Campeonato Paulista pelo Botafogo, de Ribeirão Preto. Estrear pelo Atlético, vencer a equipe treinada pelo próprio pai e fazer um bom jogo. É assim que Matheus Mancini vai se lembrar do triunfo do Atlético sobre a Chapecoense.

O primeiro encontro entre pai e filho aconteceu na véspera do jogo, no CT do clube catarinense. As duas equipes treinaram no local, nesse sábado. Vagner Mancini aproveitou para ir dar um abraço no filho. Encontro que aconteceu novamente antes de as duas equipes entrarem em campo. Um novo abraço e uma mensagem do treinador adversário, que por 90 minutos deixou o papel de pai.

"Não combinamos nada para depois do jogo. Nos encontramos na saída do vestiário e falei com ele. Desejei boa sorte, mas hoje estou defendendo o meu lado e ele o dele. Que tenha maturidade suficiente para saber que durante o jogo somos adversários, depois é a relação pai e filho. Desejo boa sorte ao Matheus, mas que seja com vitória para a Chapecoense", disse Vagner Mancini, ao Sportv, antes de a bola rolar.

Se nada foi combinado antes da partida, com a vitória do Atlético e a boa estreia, Matheus Mancini vai querer jantar com o pai. Feliz com tudo o que aconteceu na Arena Condá, o zagueiro ainda está disposto a pagar a conta.

"Dessa vez eu pago, já que eu ganhei a partida", disse o defensor do Atlético, que durante o jogo soube lidar bem com a situação de ter o pai como adversário.

"A gente não dia misturar as coisas, cada um defendendo sua equipe. Eu fiz meu máximo e tenho que certeza ele fez o máximo dele também. Felizmente eu saí vitorioso nessa primeira disputada", comentou Mancini, que também aproveitou a estreia pelo Atlético.

"Acho que foi boa dentro do possível. O jogo sente um pouco a falta de ritmo de jogo, mas eu estava me preparando para aproveitar a oportunidade. Acho que deu para fazer minha parte".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos