Grêmio 'boleiro' e Corinthians 'na linha' têm duelo de estilo além do campo

Diego Salgado e Jeremias Wernek

Do UOL, em São Paulo

  • Lucas Uebel/Grêmio e Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

    Luan e Jô: estilos diferentes e fundamentais para seus times

    Luan e Jô: estilos diferentes e fundamentais para seus times

O jogo que colocará frente a frente os melhores times do Brasileirão será também um confronto de estilos além do campo. Neste domingo, em Porto Alegre, o Grêmio, que aposta no estilo 'boleiro' para avançar, enfrentará um Corinthians de postura comedida fora dos gramados. 

Renato Gaúcho usa e abusa da experiência como ex-jogador para fazer a gestão do grupo. Em janeiro, o volante Walace deu uma prova disso e pediu ajuda do treinador em sua ideia de deixar o clube. O técnico disse, à época, que interveio na situação que levou o jogador ao Hamburgo, da Alemanha.

O clima alegre ganhou incremento pela conquista do pentacampeonato da Copa do Brasil, no ano passado. E nesta temporada, o ambiente seguiu assim mesmo quando houve sinais de exageros extracampo. Sem deixar vazar nada nesse sentido, o Tricolor aplicou regime de concentração antecipada em partidas do Gauchão e Libertadores.

A metodologia mais leve dá guarida para nomes como Maicon, Douglas e Luan aumentarem suas produções. O camisa 10 é caso emblemático. Na reta final do ano passado, se tornou ainda mais imprescindível para equipe. O volante se reafirmou como líder e também cresceu. Já o meia-atacante ganhou mais terreno para jogar e nesse ano bateu as estatísticas de 2016 com seis meses de antecedência.

Douglas, aliás, mantém uma relação diferente com o chefe. Em recente entrevista à Grêmio TV o meia resumiu. "A gente tem uma liberdade muito acima da relação treinador e jogador. A gente é amigo, considero assim há tempos. Converso com ele, falo com amigo, óbvio que existe respeito. Os moleques ainda questionam: 'pô, tu fala com o Renato desse jeito'. Mas a gente tem liberdade e respeito. A gente consegue ficar bem à vontade com ele".

O jeito de Renato, contudo, não significa desleixo ou falta de itens habituais no futebol. O CDD (Centro Digital de Dados) do Grêmio mantém o elenco abastecido com análises individuais e coletivas do time e dos adversários.

Figuras de Cássio e Jô se sobressaem

Já os jogadores do Corinthians adotam uma postura mais comedida fora de campo. O estilo é apoiado, sobretudo, nas figuras de Cássio e Jô. Com novos estilos de vida a partir desta temporada, ambos obtiveram resultados positivos dentro de campo. O goleiro deixou para trás a instabilidade apresentada no ano passado e voltou àquela velha forma apresentada em 2012 - para isso, segundo ele mesmo, passou a ter uma vida mais regrada, sem excessos.

O atacante, por sua vez, tornou-se o maior símbolo corintiano em 2017. Desacreditado, exatamente como o time, Jô deu a volta por cima ao colocar em prática o mesmo estilo de Cássio longe dos gramados. Pragmático, em busca de resultados, logo conseguiu marcas expressivas - são 12 gols e seis assistências na temporada.

Além disso, Jô, assim como Rodriguinho, é avesso às redes sociais, embora o meio-campista adote uma linha diferente no extracampo. O estilo corintiano é visto também na figura de Pablo e Maycon. O zagueiro há tempo adotou novos hábitos a fim de obter uma evolução na carreira - ele não toma refrigerante há seis anos. Os resultados são nítidos: aposta corintiana no começo do ano decolou e tornou-se pilar da defesa marcada pela solidez.

Já o volante, que retornou ao Corinthians após defender a Ponte Preta por empréstimo, mostra extrema maturidade mesmo aos 19 anos. Em abril passado, tornou-se pai de um menino. Antes, encontrou na namorada o porto seguro. "Muito difícil subir pro profissional se não tem ninguém do lado. Há muitas tentações, baladas, festas. E isso acaba atrapalhando muito. Tento me manter concentrado no jogo", disse ao UOL Esporte no ano passado.

O Corinthians também é conhecido por dar lição de casa aos jogadores por meio do Cifut (Centro de Inteligência do Futebol). Após as partidas e treinos, os jogadores recebem vídeos individuais. Neles, analisa e estudam o posicionamento que será colocado em prática no jogo seguinte.

Em março passado, antes do Corinthians conquistar o Paulistão, o volante Gabriel atribuiu a Carille a à comissão técnica os bons resultados iniciais. "Quando não dá para estar em campo treinando pela sequência de jogos, a gente fica lá dentro vendo vídeos, vendo o que pode melhorar. Mesmo não levando gol nos jogos, a gente nunca acha que foi perfeito. Não tem como. Sempre buscamos manter uma concentração alta para errar pouco", afirmou na ocasião.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO x CORINTHIANS

Data: 25 de junho de 2017 (domingo)
Horário: 16h (de Brasília)
Competição: Campeonato Brasileiro (10ª rodada)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)
Assistentes: Bruno Raphael Pires e Leone Carvalho Rocha (ambos de GO)

GRÊMIO: Marcelo Gröhe; Edílson, Geromel, Kannemann e Cortez; Arthur e Michel; Ramiro, Luan e Pedro Rocha; Barrios. Técnico: Renato Gaúcho.

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Arana; Paulo Roberto e Maycon; Jadson, Rodriguinho e Romero; Jô.Técnico: Fábio Carille

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos