Com gol de Nenê, Vasco bate Atlético-GO e sobe para 6º lugar no Brasileiro

Do UOL, em São Paulo

Com um gol de falta do atacante Nenê, o Vasco derrotou o Atlético-GO neste domingo (25), por 1 a 0, em São Januário, no Rio, em jogo válido pela décima rodada do Campeonato Brasileiro, e deu um grande salto na tabela.

Com o triunfo, o time carioca, que não fez uma grande partida, chegou aos 15 pontos e ocupa agora a sexta colocação.

O Atlético-GO, por sua vez, está na penúltima posição, com apenas seis pontos. Em dez jogos, o time só conseguiu duas vitórias até aqui. Já são oito derrotas. Está na frente apenas do Avaí, que sairá da lanterna se vencer o Botafogo na segunda-feira.

Paulo Fernandes/Vasco.com.br
Nenê comemora gol para o Vasco contra o Atlético-GO

Maestria

O Atlético-GO se defendia bem, dava poucos espaços ao ataque do Vasco, porém, aos 27 minutos do primeiro tempo, em uma falha na saída de bola, cometeu uma falta na entrada da área, com Nenê do outro lado. O atacante foi para a cobrança e cobrou no canto direito, sem chances para o goleiro Felipe Garcia.

Jogo fraco

A falta cobrada por Nenê foi o lance mais bonito do jogo. De resto, muitos passes errados e falta de criatividade na parte ofensiva. Os dois goleiros trabalharam pouco. Não fizeram uma defesa difícil sequer durante o jogo todo.

Paulo Fernandes/Vasco.com.br
Mateus Vital tenta uma jogada para o Vasco contra o Atlético-GO

Em busca da formação perfeita

O técnico do Vasco, Milton Mendes, ainda busca a formação ideal. Pelo jeito, ele parece ter encontrado, já que manteve a equipe que havia iniciado os dois últimos jogos no Brasileiro (vitória contra o Avaí e derrota para o Botafogo). Um time ofensivo, com Luis Fabiano no comando do ataque e a aproximação de Nenê, Yago Pikachu e Mateus Vital. Este último apareceu muito pouco.

Com moral e... Suspenso!

O atacante Luis Fabiano não fez gol, mas saiu de campo aplaudido pela torcida do Vasco, que vibrou muito com um lance do jogador no primeiro tempo, em que ele deu um chapéu num jogador rival. Esforçado, foi substituído aos 28 minutos do segundo tempo por Thalles. Por demorar a sair, ele recebeu o cartão amarelo e está suspenso do próximo jogo do Vasco.

Defesa intacta

O Vasco tem a pior defesa do Campeonato Brasileiro. Já tomou 20 gols. Porém, neste domingo, o time terminou uma partida sem ver a sua rede balançada pela segunda vez na competição. A equipe também não tomou gol do Avaí (venceu por 1 a 0). No segundo tempo, o Atlético-GO bem que tentou pressionar, mas mostrou que não tem um grande poder ofensivo.

Visitante cordial

O Atlético-GO tem se mostrado um visitante agradável neste Brasileiro. Em cinco jogos longe dos seus domínios, contando o duelo contra o Vasco, a equipe soma cinco derrotas. Entre essas partidas, marcou apenas um gol (na derrota por 4 a 1 para o Coritiba, na estreia da competição).

Público

São Januário recebeu um ótimo público neste domingo. De acordo com o clube, 20.658 pessoas estiveram presentes. A renda foi de R$ 646.845,00. "A torcida está vindo apoiar e isso é importante. Hoje pudemos dar a vitória para eles", disse o volante Douglas após o confronto.

Agenda

Na próxima rodada do Brasileiro, o Vasco visita o Coritiba, no domingo (2), enquanto o Atlético-GO recebe o Santos, no sábado (1º).

Paulo Fernandes/Vasco.com.br
O atacante Nenê comemora gol para o Vasco

FICHA TÉCNICA
VASCO 1 X 0 ATLÉTICO-GO

Local: Estádio São Januário (Rio)
Data: 25 de junho de 2017 (domingo)
Horário: 11h (de Brasília)
Árbitro: Dyorgines José Padovani de Andrade (ES)
Assistentes: Fabiano da Silva Ramires (ES) e Vanderson Antonio Zanotti (ES)
Público: 20.658 presentes
Renda: R$ 646.845,00
Cartão amarelo: Douglas e Luis Fabiano (Vasco)

Gol: Nenê, aos 27 minutos do primeiro tempo (Vasco)

VASCO: Martín Silva; Gilberto, Paulão, Breno, Henrique; Jean, Douglas, Mateus Vital, Yago Pikachu (Wagner); Nenê (Escudero) e Luis Fabiano (Thalles).
Técnico: Milton Mendes.

ATLÉTICO-GO: Felipe Garcia; André Castro (Eduardo), Eduardo Gabriel, Roger Carvalho, Breno Lopes; Marcão Silva, Silva (Walterson), Andrigo (Diego Rosa), Jorginho; Luis Fernando e Everaldo.
Técnico: Doriva.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos