Mais maduro, Cruzeiro volta a pensar em número mágico para ter regularidade

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Washington Alves/Cruzeiro

    Desafio do Cruzeiro é ganhar regularidade para evitar altos e baixos dos últimos três meses

    Desafio do Cruzeiro é ganhar regularidade para evitar altos e baixos dos últimos três meses

Além dos três pontos conquistados diante do Palmeiras, no último domingo, a vitória no Mineirão deu sinais de maturidade por parte do Cruzeiro após uma semana conturbada dentro e fora do clube. Ao não repetir erros de compromissos passados e apresentar um futebol convincente, o time recuperou a confiança e agora volta a se concentrar naquilo que seu treinador chama de "números mágicos". Para isso, a equipe precisa se sair bem em pelo menos três partidas seguidas e ganhar uma sequência positiva na temporada, algo que não acontece há três meses.

No fim de junho, Mano Menezes citou a necessidade de três vitórias seguidas para que a equipe engrenasse. Porém, o time continuou vivendo seus altos e baixos e só venceu uma partida na trinca de jogos seguintes. Por isso, a regularidade continua sendo a palavra de ordem na equipe, já que a última vez que a Raposa engatou três vitórias seguidas aconteceu ainda no início de abril, contra o Atlético-MG, o Nacional-PAR e o Democrata.

"Esse é o pensamento. Para isso acontecer, temos de vencer uns dois, três jogos seguidos. O primeiro foi contra o Palmeiras, agora esperamos continuar assim. Senão a gente fica nesse ganha e perde, e não sai do lugar. Se a gente perdesse, poderia ficar perto da zona de rebaixamento, está tudo muito apertado. Por isso, estamos precisando dessas vitórias para se manter lá em cima", disse o atacante Rafael Sóbis.

Nos dois últimos jogos anteriores ao confronto contra o Palmeiras, o Cruzeiro esbarrou na dificuldade em lidar com o placar positivo e acabou pagando por isso. Contra o próprio Palmeiras, pela Copa do Brasil, a equipe voltou do intervalo com três gols de vantagem, mas cedeu o empate em cerca de 20 minutos. Já no clássico contra o Atlético-MG, o gol no início foi ofuscado pela virada do rival já nos acréscimos da primeira etapa. Desta vez, o cenário não se repetiu. Ao sofrer o gol de Willian no Mineirão, o time celeste soube se comportar e ainda terminou o jogo com outro gol a favor, marcado por Elber.

"Quando eles fizeram o primeiro gol, cria-se uma instabilidade, mas trabalhamos bem para manter o padrão e não perder a concentração, principalmente nos fins de cada tempo. Isso foi bom, conseguimos uma boa vitória diante de uma grande equipe e soubemos lidar com isso".

Para Mano Menezes, somente com a sequência de resultados positivos será possível definir em qual parte da tabela o Cruzeiro irá disputar. "Não tem de falar em objetivos, temos de fazer uma série de vitórias, uma série de resultados positivos, uma série de jogos pontuando. É isso que dá campanha. Depois disso que podemos falar em objetivos", disse.

Portanto, esta semana será importante para continuar definindo os rumos do Cruzeiro neste Brasileirão. Na quarta-feira, a equipe vai ao Paraná visitar o Atlético-PR. Quatro dias mais tarde, volta ao Mineirão e recebe o vice-líder Flamengo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos