"Não é porque um atacante vai para lateral que virou bagunça", diz Willian

Danilo Lavieri e Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo (SP)

O Palmeiras deixou o gramado do Allianz Parque vaiado depois da derrota por 2 a 0 para o arquirrival Corinthians. Desorganizado, o time alviverde sofreu diante do adversário e terminou a partida com variações táticas incomuns, como a presença do zagueiro Mina absoluta no ataque. O conceito de bagunça, no entanto, foi rebatido pelo elenco.

Na saída para os vestiários, o atacante Willian amenizou a derrota tática clara do Palmeiras no confronto. O time de Cuca abusou dos cruzamentos e mostrou pouca criatividade – foram 48 cruzamentos, segundo o Footstats.

"Não é porque um atacante vai para lateral que virou bagunça", declarou o camisa 29 em entrevista ao Sportv, ao ser perguntado sobre o deslocamento de Róger Guedes para a primeira linha defensiva logo no início da segunda etapa

"Não falta padrão para o time. A gente estava atrás do placar. Existe estratégia dentro do jogo. (...) O Róger Guedes pode fazer essa função quando ele vai ali pelo canto... Pena que não conseguimos fazer os gols", lamentou.

O resultado negativo afastou ainda mais o Palmeiras da disputa pelo título da Série A. Com o revés, o time comandado por Cuca chegou a 16 pontos de desvantagem em relação ao próprio Corinthians, líder da competição com 35 pontos depois de 13 jogos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos