Com gol irregular e Tite no Engenhão, Bota vence e acaba com série do Sport

Do UOL, em Santos (SP)

A atuação pode não ter sido das melhores, especialmente no primeiro tempo, mas o Botafogo tem muito que comemorar na noite desta segunda-feira (17). Em jogo que contou com a ilustre presença do técnico da seleção brasileira, Tite, o time carioca – que contou com gol irregular para abrir o placar no Engenhão – aproveitou um contra-ataque no segundo tempo, venceu o Sport por 2 a 1 e acabou com a sequência invicta da equipe comandada por Vanderlei Luxemburgo.

Com o resultado, o Botafogo vai a 22 pontos, ultrapassa três equipes na tabela e entra na zona de classificação para a Pré-Libertadores, ficando com o sexto lugar. Já o Sport – que vinha de quatro vitórias seguidas no Brasileiro – estaciona nos 21 pontos e cai para o oitavo lugar.

Os dois times voltam a campo na quinta-feira (20), quando encerram a 15ª rodada da Série A. O Sport recebe o lanterna Atlético-GO na Ilha do Retiro, às 19h30, enquanto o Botafogo, um pouco mais tarde (21h), faz visita ao Atlético-PR na Arena da Baixada.

O melhor: Roger

Luciano Belford/AGIF
Camisa 9 é contratado para fazer gols. Mas tem jogos que a bola não entra e o jogador pode ser decisivo de outra forma. Foi exatamente o que aconteceu com Roger. O atacante fez muito bem o papel de pivô e criou inúmeras jogadas de perigo para o Botafogo. Foi assim o segundo gol do Alvinegro, marcado por Guilherme, que procurou o companheiro para agradecer o passe.

Diego Souza dá show de categoria

Único jogador em campo já convocado por Tite, Diego Souza pode não ter sido decisivo nesta noite, mas acumulou mais uma boa atuação com a camisa rubro-negra e ainda proporcionou jogadas de extrema categoria, especialmente na etapa inicial.

Gol relâmpago e irregular

O Botafogo precisou de apenas um minuto para abrir o placar no Engenhão. Mas o fez de forma irregular. Após cobrança de falta para a área, Rodrigo Lindoso mandou de cabeça para as redes. Antes de entrar, porém, a bola desviou em Roger, que estava em posição irregular.

Resposta do Sport não demora

Luciano Belford/AGIF
Assim como o Bota, o Sport também aproveitou uma falta cobrada para área para deixar tudo igual. Diego Souza desviou de cabeça e Durval finalizou; Jefferson defendeu, mas no rebote Rithely apareceu para chutar no alto e empatar a movimentada partida no Engenhão.

Arnaldo sai desolado, e Luís Ricardo estreia em 2017

O técnico Jair Ventura precisou queimar uma substituição ainda na etapa inicial. Arnaldo sentiu um desconforto na coxa e saiu desolado de campo. Em seu lugar, entrou Luís Ricardo, que não jogava uma partida desde 4 de setembro de 2016 por conta de uma grave lesão no tornozelo.

Sport com mais posse e toque de bola. Mas...

Armando Paiva/AGIF
Mesmo fora de casa, foi o Sport quem controlou o jogo no Engenhão. Com mais posse de bola e tranquilidade para trocar passes, especialmente no meio-campo, o time pernambucano teve diversos momentos de superioridade sobre o Botafogo, que encontrou mais dificuldades para encontrar espaços e criar jogadas de ataque. Mas uma boa jogada de Roger mudou a história do jogo.

Do ódio ao amor!

Luciano Belford/AGIF
Guilherme entrou em campo aos 18min do segundo tempo e logo no primeiro lance optou por jogada errada, promovendo a ira da torcida. Isso não tirou a confiança do jovem atleta, que foi decisivo após seis minutos em campo. Ele recebeu passe de Roger e marcou o segundo do Botafogo. Do ódio ao amor em poucos minutos.

Negociando com Inter, Camilo fica de tênis no banco

Uma curiosidade chamou atenção da imprensa nesta segunda-feira. No banco de reservas e negociando com o Internacional, o camisa 10 sequer calçou as chuteiras. Mesmo sendo colocado com o restante do time para o aquecimento, ele permaneceu de tênis. Os gaúchos propõem uma troca do jogador por Brenner, o que agradou o Alvinegro. As negociações estão em andamento.

Tite marca presença no Engenhão

Twitter oficial do Botafogo
Técnico da seleção brasileira, Tite foi um dos 17.313 presentes no estádio Engenhão na noite desta segunda-feira (17). Dos jogadores que estiveram em campo, apenas Diego Souza, do Sport, já foi convocado pelo treinador. "O acompanhamento é assim, para não ficar apenas no vídeo, no scout, no número. É para ver a atmosfera do jogo, é importante. Dá tempo para todo mundo [ser convocado para a Copa]. Esse é o recado a todos os jogadores", disse ao canal Sportv.

BOTAFOGO 2 X 1 SPORT

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 17/07/2017, segunda-feira
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro – MG (FIFA)
Assistente: Guilherme Dias Camilo – MG (FIFA) e Pablo Almeida da Costa – MG (CBF)
Renda: R$ 381.865,00
Público: 15.309 pagantes
Cartões amarelos: Roger, Gilson e Leandrinho (Botafogo); Mena, Sander e Samuel Xavier (Sport)
Gols: Rodrigo Lindoso, a 1min, Rithley, aos 7min do primeiro tempo; Guilherme, aos 24min do segundo tempo

BOTAFOGO
Jefferson, Arnaldo (Luís Ricardo), Joel Carli, Igor Rabello e Gilson; Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes e João Paulo; Marcos Vinícius (Guilherme), Rodrigo Pimpão e Roger (Leandrinho)
Técnico: Jair Ventura

SPORT
Agenor, Samuel Xavier, Henriquez, Durval e Sander; Patrick (Thalysson), Rithely, Everton Felipe (Juninho), Mena (Lenis) e Diego Souza; André
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos