Renato cita mudanças no time e vê Grêmio como 'exemplo ao Brasil'

Do UOL, em Porto Alegre

Um time sem três titulares, fora de casa, e jogando do mesmo jeito. Um grupo sem injeção de milhões e que briga pelos títulos da Copa do Brasil, Libertadores e Brasileirão ao mesmo tempo. Para Renato Gaúcho, o Grêmio é um exemplo ao Brasil por sua temporada. Depois de vencer o Vitória, nesta quarta-feira (19), o treinador exaltou a atuação e o planejamento.

A vitória no Barradão levou o Tricolor aos 31 pontos e mantém o clube à caça do Corinthians.

"O Grêmio é exemplo no Brasil. Está disputando três competições e vai bem em todas. Vai muito bem mesmo. A palavra gestor é muito importante", disse Renato Gaúcho após a vitória por 3 a 1 fora de casa.

Sem Geromel, Michel e Luan o Grêmio mudou o jeito de jogar. Arthur e Ramiro se revezaram como jogador mais avançado do meio-campo e Fernandinho ajudou a manter o setor em alto nível. Antes do intervalo o placar já marcava 2 a 0 e a atuação era consistente.

"Lógico que um ou outro foi acima dos demais, mas prevaleceu o conjunto. O Fernandinho não é surpresa, ele treina e treina bem faltas. O mais importante foi que ele bateu com confiança, deu tranquilidade logo no início. Mudamos nossa maneira de jogar pelas ausências, mas deu certo. Todos se comprometeram. Ramiro e Arthur jogaram fora de posição e fizeram gols. O time está entrosado, consciente do que deve fazer. E mesmo com muitos desfalques, a equipe se comportou muito bem. E não é fácil jogar aqui com o Vitória, que está na zona do rebaixamento. Então todos estão de parabéns", comentou Renato.

Maicon, de volta após tendinite, foi uma das mudanças no meio-campo. Luan, principal nome do time na temporada, teve ausência minimizada pela mecânica pensada. Mas essa ideia não será fixada. Ou seja, pode mudar de acordo com as circunstâncias.

"Depende muito do adversário, do que acontece no campo. Estamos mudando a toda hora a equipe, não tem o entrosamento de sempre. Mas quando deu para trabalhar a bola, trabalhamos. O campo está duro, dificultou nossa posse, mas nós criamos e fizemos três gols. Não é nada fácil mudar a equipe, mudar um pouco o estilo de jogar. Eu mudei e deu certo", apontou o treinador.

O Grêmio volta a campo na segunda-feira, contra o São Paulo, fora de casa. Na quinta, pega o Atlético-PR pelo jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos