"Poderíamos ter vencido ou empatado", diz auxiliar-técnico do Vasco

Do UOL, no Rio de Janeiro

O sabor foi amargo para o Vasco na derrota por 1 a 0 para o São Paulo, nesta quarta-feira, no Morumbi (SP). Na avaliação do auxiliar-técnico Ednelson Silva, que substituiu o suspenso Milton Mendes, o Cruzmaltino poderia ter saído até mesmo com a vitória da capital paulista.

"Fizemos um bom jogo. Tivemos muitas chances de gol. No fim, Rodrigo Caio tirou quase de dentro do gol. Futebol é difícil. Ficamos com sentimento de que poderia ter vencido ou empatado, pelo volume, assim como no jogo do Santos", avaliou.

Questionado se era hora de dar mais sequência aos jovens revelados nas categorias de base, Ednelson foi cauteloso. Nesta quarta-feira, ele colocou no segundo tempo os pratas-da-casa Guilherme Costa, Paulinho e Evander.

"Milton trabalhou isso na semana para ter o momento certo de entrar os meninos. Usamos Evander, Paulinho e Guilherme. Não dá para colocar mais. Milton tem tranquilidade e paciência. Está preparando bem esses atletas para quando houver oportunidade entrar e ter o desempenho esperado", disse.

O auxiliar-técnico também foi perguntando sobre a ausência de Nenê e o pedido de rescisão de contrato do meia, mas Ednelson preferiu não opinar:

"Só vamos falar dos jogadores que estão aqui e participaram da partida. Desculpe".

Neste domingo, o Vasco enfrenta o Atlético-MG, no estádio Independência, em Belo Horizonte (MG).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos