Jogar para frente e recuperar confiança. Desafios de Micale no Atlético-MG

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Adalberto Marques/Dia Esportivo/Estadão Conteúdo

    Fred diz que Rogério Micale vai ser muito bem recebido pelo elenco do Atlético-MG

    Fred diz que Rogério Micale vai ser muito bem recebido pelo elenco do Atlético-MG

Anunciado nessa sexta-feira como novo treinador do Atlético-MG, Rogério Micale vai ser muito bem recebido pelo elenco de jogadores do clube mineiro. É o que garantiram o meia-atacante Luan e o atacante Fred, que foram as entrevistas na Cidade do Galo, logo após a confirmação do nome do novo técnico.

Como um terço do elenco é formado por jogadores criados no clube, quase todos trabalharam com Rogério Micale na equipe sub-20. É o caso de 12 atletas. Uilson, Cleiton, Alex Silva, Leonan, Gabriel, Rodrigão, Ralph, Yago, Lucas Cândido, Thalis, Capixaba e Elder. Todos foram treinados por Micale na base e foram eles que passaram boas referências do novo treinador aos demais jogadores do elenco alvinegro.

"Ficamos sabendo agora do Micale. Conversei com o Gabriel a respeito dele, muitos elogios. É um cara sério, que gosta de jogar para frente, de bom trato no vestiário. Saiu aqui do Galo para a seleção, então conhecem bem o ambiente a torcida que tem. Estamos de braços abertos para recebe-lo da melhor forma possível e encontrar nosso melhor o mais rápido possível", disse Fred.

Jogar para frente. Algo que foi dito pelo centroavante e é um sentimento de todo o elenco. Embora não exista restrições ao trabalho de Roger Machado, os jogadores do Galo, especialmente os atacantes, sentiam a falta de um time mais ofensivo. É com o retorno dessa característica, de um time que jogue pressionando o adversário no campo de defesa que os jogadores atleticanos esperam recuperar a confiança dentro de casa.

"Espero que ele possa vir e colocar a cara dele, como foi na seleção olímpica, que eu assisti. Fez os meninos jogarem e a seleção brasileira foi campeã. Seja bem-vindo ao Atlético, que a gente possa ser campeão nas competições que temos a disputar", disse Luan, que fala sobre entender o estilo do Atlético para ir longe.

"Cada um tem sua filosofia de jogo. O Roger gosta de jogar com duas linhas de quatro com o time mais fechado. O time do Cuca era mais aberto, jogava com dois volantes e liberava os pontos. Jogava no 4-2-3-1 e de vez em quando mudava para o 4-2-4. Essas mudanças de treinador atrapalham. Quando ficamos muito tempo com um treinador, conseguimos os títulos. Temos jogadores intensos, de qualidade. Então dá para fazer novamente aquele time intenso", completou o camisa 27.

Apostando em uma equipe mais ofensiva, os jogadores do Atlético acreditam também na retomada das vitórias em casa. Algo para recuperar a confiança da equipe, que perdeu quatro dos oito jogos como mandante neste Brasileirão.

"Não vai ter muito tempo para o Micale trabalhar. Ainda vai ter muita coisa do Roger, pois estamos treinados já para fazer algumas situações. Então é olhar para gente, fazer o que a gente sabe fazer. Reconquistar a nossa confiança, principalmente em casa, trazer o torcedor de volta. Quando a gente toma um gol, cai um peso nas nossas costas", avaliou Fred.

Rogério Micale tem chegada prevista nesta segunda-feira, a Belo Horizonte, para ser apresentado com o novo treinador do Atlético e iniciar o trabalho. O contrato do técnico é somente até dezembro. A estreia vai ser contra o Botafogo, na Copa do Brasil, nesta quarta-feira, às 19h30, no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos