Marcelo Oliveira volta ao Coritiba sem baixar salário e com contrato curto

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

  • Divulgação/Coritiba

    Oliveira levará consigo sua comissão técnica de confiança

    Oliveira levará consigo sua comissão técnica de confiança

Requisitado para voltar ao clube que o projetou, o técnico Marcelo Oliveira jogou duro e não reduziu a pedida de suas passagens recentes por Atlético-MG e Cruzeiro. No entanto, o maior risco para o novo técnico do Coritiba está no modelo de contrato: serão apenas seis meses, até dezembro. Depois, as eleições no Coxa podem mudar muita coisa no clube, razão pela qual evitou-se fazer um contrato mais longo.

Ele assistirá ao jogo contra o Flamengo, sábado 19h no Rio de Janeiro. Será apresentado apenas na segunda-feira em Curitiba.

Oliveira chegará ao Coxa com um salário mensal quase três vezes maior que o do antecessor, Pachequinho, na casa dos 400 mil. Um investimento alto do clube por um técnico que recebeu o mesmo para levar o Atlético-MG à Libertadores e ao vice-campeonato da Copa do Brasil em 2016 (Roger Machado terminou o ano) e já tinha esse soldo no bicampeonato nacional pelo Cruzeiro em 2013 e 14.

Levará consigo a comissão técnica que o acompanhou no Galo: Eduardo Pacheco, ex-atacante do Atlético-PR e atual auxiliar, Tico dos Santos, também auxiliar, e Juvenílson de Souza, preparador físico, que irá trabalhar ao lado de Robson Gomes, da comissão permanente do Coxa e que comandará o time contra o Flamengo. O valor pedido por Marcelo Oliveira engloba os rendimentos dos três de sua comissão.

Nos corredores do Alto da Glória foram duas as discussões: a financeira, explicada acima, e a relutância de Oliveira em voltar a treinar uma equipe esse ano. Pesou a identificação com o clube e a chance de recomeçar, após uma saída conturbada do Atlético-MG, entre os jogos finais da Copa do Brasil e deixando o Galo em quarto lugar no Brasileirão. Comenta-se que Oliveira encara essa oportunidade como a chance de provar que pode ser um técnico top, o mesmo desejo que tem o Coritiba: estar no topo da tabela do Brasileirão.

FLAMENGO X CORITIBA

Data/hora: 22/07/2017, às 19h (de Brasília)
Local: Ilha do Urubu, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC)
Auxiliares: Kleber Lucio Gil (SC) e Neuza Ines Back (SC)

Flamengo
Thiago; Pará, Réver, Juan (Rafael Vaz) e Trauco; Márcio Araújo, Cuéllar e Everton Ribeiro; Geuvânio, Everton e Guerrero
Técnico: Zé Ricardo

Coritiba
Wilson; Dodo, Marcio, Luizão e William Matheus; Jonas, Matheus Galdezani e Alan Santos (Tomas); Neto Berola, Rildo e Henrique Almeida (Alecsandro)
Técnico: Robson Gomes (Interino)

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos