Chapecoense aproveita falhas do Vitória e vence fora de casa

Do UOL, em São Paulo

O Vitória é o pior mandante do Campeonato Brasileiro e mais uma vez decepcionou a própria torcida no Barradão. Neste sábado (22), o time recebeu a Chapecoense, cometeu muitos erros e perdeu por 2 a 1. O time catarinense agora se afastou da zona de rebaixamento e provisoriamente está no 9º lugar, com 21 pontos. Já o Vitória é o penúltimo colocado, com 12.

A Chapecoense teve uma estratégia de jogo perfeita: começou recuada, marcou bem e só esperou o erro do Vitória. A defesa da equipe catarinense se portou bem, só levou um susto, e logo aconteceu uma falha rubro-negra. Após Caíque e Geferson fazerem uma lambança e cometerem pênalti, Reinaldo cobrou com perfeição e balançou a rede. Depois disso, o Vitória ficou nervoso, passou a errar demais e quase sofreu outro gol, de Seijas, mas a bola foi tirada pela defesa em cima da linha.

O time baiano só se recuperou no 2º tempo, passou a jogar melhor e conseguiu o gol em um novo pênalti marcado pelo juiz. Neilton também cobrou bem e deixou tudo empatado aos 16min.

Mas a alegria do Vitória durou muito pouco: aos 18min, Arthur fez um giro rápido e um ótimo lançamento para deixar Lourency na frente do gol. Ele tinha acabado de sair do banco de reservas e, frente a frente com Caíque, chutou forte para a rede.

MARCELO MALAQUIAS/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO

Depois disso o Vitória dominou a posse de bola, mas voltou a errar com frequência, dessa vez no ataque. Kanu perdeu uma boa oportunidade, Jandrei fez uma defesa difícil e assim a Chapecoense segurou o resultado.

Pior mandante

O Vitória disputou nove jogos em casa até agora e só venceu um. Sofreu seis derrotas e empatou duas vezes.

Lambança

Aos 26min do 1º tempo, após lançamento na área, Geferson tentou recuar a bola de cabeça para Caíque, que não conseguiu agarrá-la. Seijas apareceu correndo e ia ficar com a bola, mas foi derrubado pelo goleiro. O pênalti resultou no gol de Reinaldo.

Problema com goleiros

O goleiro Fernando Miguel vinha sendo titular do Vitória na temporada, mas foi mal contra o Grêmio, na semana passada, e recebeu muitas críticas da torcida. O técnico interino Flávio Tanajura resolveu apostar no jovem Caíque, que cometeu grande falha no 1º tempo. 

Pênalti polêmico marcado

O juiz marcou pênalti para o Vitória com ajuda do auxiliar, mas de forma polêmica. Após cruzamento na área, ele entendeu que Douglas Grolli bateu com a mão na bola.

Pênalti polêmico não marcado

Os jogadores do Vitória reclamaram muito porque queriam a marcação de um pênalti de Douglas Grolli em Yago, aos 41min do 2º tempo. O juiz ignorou.

VITÓRIA 1 x 2 CHAPECOENSE

Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Data: 22/07/2017
Árbitro:  Marcelo de Lima Henrique (CBF-RJ) 
Cartões amarelos:  Caíque (VIT), Apodi (CHA), Grolli (CHA), Girotto (CHA) e Moisés Ribeiro (CHA)
Gols: Reinaldo, aos 27min do 1º tempo; Neilton, aos 14min do 2º tempo; Lourency, aos 18min do 2º tempo

VITÓRIA
Caíque; Caíque Sá, Kanu, Wallace e Geferson (Patric); Uillian Correia (André Lima), Fillipe Soutto e Carlos Eduardo (Jhemerson); Yago, Tréllez e Neilton
Técnico: Flávio Tanajura (interino)

CHAPECOENSE
Jandrei; Apodí, Victor Ramos, Douglas Grolli e Reinaldo; Andrei Girotto, Moisés Gaúcho (Moisés Ribeiro), Lucas Marques, Luiz Antônio (Wellington Paulista) e Seijas (Lourency); Arthur
Técnico: Vinícius Eutrópio

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos