Topo

Esporte


Cuca libera Felipe Melo para deixar o Palmeiras: "Que siga em outro lugar"

Ale Cabral/AGIF
Cuca liberou Felipe Melo para procurar um novo destino para a carreira Imagem: Ale Cabral/AGIF

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo (SP)

2017-07-29T21:43:07

29/07/2017 21h43

Felipe Melo não faz mais parte do elenco do Palmeiras. O anúncio da liberação definitiva do meio-campista veio na noite deste sábado, depois da vitória por 2 a 0 sobre o Avaí, no Allianz Parque. O técnico Cuca foi quem tratou de anunciar a decisão do clube, em pronunciamento O camisa 30 agora se encontra disponível no mercado para uma transferência.

“Em uma conversa franca e abertura e direta, antecipei aos fatos do problema futuro e deixei à vontade para que siga a carreira dele, que será brilhante, em outro lugar”, declarou Cuca sobre o volante, que não vai mais atuar com o atual treinador. Foram 27 partidas de Felipe Melo com a camisa alviverde.

“Felipe Melo é um jogador que ele jogou só em grandes clubes, tanto no Brasil quanto no exterior. Copa do Mundo, seleção brasileira, como está em alto nível no Palmeiras. É natural que este tipo de jogador, com a personalidade que tem o Felipe Melo, não se contente com uma ou outra situação de não estar jogando”, acrescentou o treinador.

“Natural que vá fazer, a gente entende que por tudo o que o Felipe significa, não tem o contentamento. Não foi afastado, apenas no que penso de equipe, ele não encaixa a titularidade dele. A princípio, isso é uma coisa que no futuro que poderia dar problema. Não se trata aqui de laranja podre ou outras coisas que falaram”, disse Cuca.

“É um profissional preservado de todas as formas, só dizer que dentro da filosofia que não entendo esta titularidade, por isso foi tomada tal medida. Foi um consenso com diretor e presidente. Espero que vocês entendam isso e não gostaria aqui de vir responder diversas perguntas. Em respeito a tudo, é esse o pronunciamento que quero fazer”, encerrou o comandante palmeirense.

O anúncio veio no último ato da entrevista deste sábado. Cuca chegou à sala de imprensa e foi questionado sobre o assunto logo na primeira pergunta. O treinador rapidamente anunciou a posição de abordar o caso posteriormente.  “Queria pedir que falasse sobre o jogo, no fim faço uma síntese sobre o assunto.”

Quem também falou sobre o caso foi o capitão Dudu. Na saída do gramado, o camisa 7 lamentou toda a situação estourada um dia antes do compromisso deste sábado no Allianz Parque.

“A gente fica triste porque é um grande jogador e um excelente companheiro, mas é uma decisão que foi tomada pela diretoria. A gente tenta entender”, declarou o capitão Dudu ao “Premiere FC”, ainda no gramado da arena palmeirense, sem se estender muito sobre o assunto.

“Nós, como jogadores, ficamos tristes quando isso acontece com um companheiro, mas eles sabem o que é melhor. Eles vão pensar no melhor para o Palmeiras”, encerrou Dudu.

Mais Esporte