Guerra volta a sentir antiga lesão; Mina não preocupa no Palmeiras

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo (SP)

O Palmeiras encerrou a noite deste sábado com duas importantes peças com problemas físicos. O meia venezuelano Alejandro Guerra e o zagueiro colombiano Yerry Mina deixaram o gramado do Allianz Parque durante a vitória por 2 a 0 contra o Avaí. Da dupla, a situação mais preocupante é do meio-campista, segundo o técnico Cuca.

"Guerra voltou a ter a dor que tem no adutor. Quando ele chutou a bola no primeiro tempo, sentiu dor. Vamos ver, porque em cima do jogo é difícil saber o grau da lesão", comentou o técnico palmeirense, antes de expor o ocorrido com o defensor.

"O Mina está com dores nos glúteos, mas nada preocupante para o futuro", acrescentou o treinador.

O receio da comissão técnica pode tornar Guerra desfalque para a partida de quarta-feira contra o Botafogo, no Rio de Janeiro. O venezuelano terá folga, assim como todo o elenco, neste domingo; o Palmeiras volta a trabalhar apenas na segunda-feira, na Academia de Futebol.

Cuca e companhia trabalham para os atletas atingirem a melhor forma física no próximo dia 9, data da partida contra o Barcelona, do Equador, pelas oitavas de final da Copa Libertadores. No primeiro jogo, o time alviverde perdeu por 1 a 0 para os equatorianos.

Entre as partidas contra Botafogo e Barcelona, o Palmeiras ainda recebe o Atlético Paranaense, no Allianz Parque, no próximo dia 6.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos