Após Elias e Robinho ficarem no banco, Micale diz que ganhou mais opções

Do UOL, em Belo Horizonte

Quando saiu a escalação do Atlético-MG para o jogo com o Coritiba, o fato de Elias e Robinho ficarem no banco de reservas chamou a atenção. Ainda mais pelo fato de o técnico Rogério Micale escolher Gustavo Blanco e Pablo para começarem a partida disputada no Estádio Couto Pereira, em Curitiba. Ao final, com o triunfo por 2 a 0, o treinador mostrou que a decisão foi acertada.

E os escolhidos pelo treinador fizeram um bom papel dentro do possível, com destaque para Gustavo Blanco. O volante aumentou o poder de marcação do Atlético e ainda chegou com eficiência ao ataque. Aliás, foi dele o passe para Rafael Moura, aos dois minutos do segundo tempo, mas não aproveitado. O centroavante bateu por cima do gol.

"Temos um grupo muito forte, contamos com todos. Vi o Pablo e o Blanco nos treinos. São jogadores de força, de arrancada, e me chamaram atenção. Eles precisavam de uma oportunidade e tivera. Não é por alguns ficarem fora que perdemos jogadores. Pelo contrário, nós ganhamos mais opções", disse Micale, que venceu a primeira no comando técnico do Atlético.

"A gente sai satisfeito daqui, pela entrega da equipe, que foi muito forte. Estão todos de parabéns e saímos fortalecidos. Agora podemos respirar um pouco mais aliviado".

Micale destaca entrega dos jogadores

Com o triunfo por 2 a 0, o Atlético subiu quatro posições no Campeonato Brasileiro. A distância para o G6 permanece em quatro pontos, mas agora um pouco mais distante da zona de rebaixamento. Mais do que pelo futebol apresentado contra o Coritiba, a entrega dos jogadores foi destacada pelo treinador do time.

Para Rogério Micale, se o Atlético mantiver essa competitividade nas próximas rodadas, o time pode sonhar alto dentro da competição.

"Eu vi alguns jogos do Galo e via entrega, acho que nunca faltou esse aspecto. Posso dizer que às vezes faltava confiança e isso afeta diretamente o desempenho. Mas posso falar que na partida de hoje que foi uma entrega muito grande, o comprometimento de um com outro. E como falavam que nosso elenco era um dos melhores do Brasil, com esse espírito essa entra, se readquirir essa confiança, o Galo se torna forte. Espero que possa ser dessa mesma forma nos jogos que nos restam".
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos