Flu enfrenta Atlético-GO no Maracanã por abraço e solidariedade a Abel

Leo Burlá e Pedro Ivo Almeida

Do UOL, no Rio de Janeiro

O Fluminense levou o jogo contra o Atlético-GO, sábado (5), às 19h (de Brasília), para o Maracanã. Apontada inicialmente para o estádio Giulite Coutinho, de menor porte e localizado na região metropolitana do Rio de Janeiro, a partida marcará o reencontro do técnico Abel Braga com a torcida tricolor após dias de choque e luto.

A ideia da diretoria é que a torcida "abrace" o treinador em um estádio maior e lotado após a tragédia do último final de semana – Abel perdeu o filho mais novo, João Pedro, após acidente na sua casa, no Leblon. O jovem de 19 anos caiu de uma altura de seis andares e faleceu.

Inicialmente, o jogo com o Atlético-GO estava previsto para o dia 7, segunda-feira. No entanto, como a partida contra a Ponte Preta – adiada em função da tragédia com João Pedro – passou para o dia 9 (quarta), o duelo com os goianienses foi antecipado.

Assessor da presidência do Fluminense, Marcelo Penha esteve na sede da CBF na manhã desta segunda-feira com a solicitação. A Confederação topou a mudança do estádio e marcou o jogo para sábado.

Questionado sobre possíveis mudanças, o diretor de competições da CBF, Manoel Flores, se mostrou receptivo com questões de prazos e burocracias antes mesmo do martelo batido. "É um caso completamente atípico. Vamos avaliar tudo, mas não estamos aqui para atrapalhar nada", comentou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos