Gramado ruim e público duvidoso: o que aguarda o Vasco em Volta Redonda?

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Júlio César Guimarães/UOL

    Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, terá jogos do Vasco contra Atlético-PR e Cruzeiro

    Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, terá jogos do Vasco contra Atlético-PR e Cruzeiro

Punido com a perda de seis mandos de campo e com São Januário interditado por 180 dias pelo Ministério Público, o Vasco inicia nesta segunda-feira, às 20h, no estádio Raulino de Oliveira, contra o Atlético-PR, sua era em Volta Redonda (RJ). Ainda se sentido um anfitrião que acabou de se mudar, o Cruzmaltino tem alguns empecilhos a superar e se adaptar.

O primeiro deles é a questão do gramado, que não se encontra nas melhores condições. Por conta da situação, o clube contratou uma empresa que cuidou do campo nos últimos dias, mas a tendência é a de que durante a partida desta noite ele ainda não esteja no ideal.

Outra preocupação da diretoria é em relação à presença de torcedores. O Raulino de Oliveira é, tradicionalmente, um estádio conhecido por não ter grandes públicos, não só com o Vasco como com todos os outros três clubes grandes do estado. O fato específico da partida contra o Atlético-PR ser numa segunda-feira é um agravante a mais.

Através de uma parceria com uma empresa particular, o Vasco disponibilizou sua agência de turismo chamada de "Expresso da Colina" para atender aos vascaínos que quisessem sair do Rio de Janeiro com translado de ida e volta. Os sócios pagaram R$ 65 e os não-sócios, R$ 75.

Organizadas cruzmaltinas também organizaram caravanas durante a semana e o clube conta ainda com a adesão dos torcedores moradores da cidade.

São Januário vinha sendo uma arma do Vasco no Campeonato Brasileiro e responsável por 15 dos 23 pontos da equipe conquistados até aqui.

O clube ainda aguarda um aval de liberação da CBF para mandar jogos em outras praças fora do estado do Rio, mas mesmo que tenha uma resposta positiva, só transferirá partidas de Volta Redonda caso as coisas não saiam como esperado. Além do Atlético-PR, o Vasco já marcou o compromisso contra o Cruzeiro, nesta quinta-feira, no Raulino de Oliveira.

Nenê segue fora

O impasse entre Nenê e Vasco segue, o meia continua fora e não enfrentará tanto o Atlético-PR quanto o Cruzeiro. O jogador havia pedido para não enfrentar o São Paulo na semana passada alegando ter uma proposta. O Cruzmaltino deu um prazo para que ele apresentasse e a data foi expirada sem a oferta em mesa. O técnico Milton Mendes já deu mostras de que não pretende contar com ele e uma rescisão é aguardada nos próximos dias.

"Nenê está entregue à direção. A direção está tomando conta do assunto", disse Milton.

VASCO X ATLÉTICO-PR
Local:
Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ)
Hora: 20h (Horário de Brasília)
Árbitro: Cláudio Francisco Lima e Silva (SE)
Auxiliares: Cleriston Clay Barreto (SE) e Fabio Pereira (TO)

Vasco
Martín Silva, Gilberto, Rafael Marques, Jomar e Ramon; Jean, Bruno Paulista, Escudero, Mateus Vital e Paulinho; Paulo Vitor (Thalles)
Técnico: Milton Mendes

Atlético-PR
Weverton; Jonathan, Thiago Heleno, Paulo André e Sidcley; Deivid (Otávio), Eduardo Henrique (Lucho González) e Matheus Anjos (Felipe Gedoz); Nikão, Pablo (Eduardo da Silva) e Ribamar
Técnico: Fabiano Soares
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos