"Trocaria nome gritado pela vitória", diz Paulo Vitor após derrota do Vasco

Do UOL, no Rio de Janeiro

Uma das promessas de São Januário, o atacante Paulo Vitor, de 18 anos, teve o nome ovacionado pela torcida no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ), nesta segunda-feira. O jogador demonstrou uma grande entrega, acertou uma bola no travessão aos 48 minutos do segundo tempo, mas não conseguiu evitar a derrota por 1 a 0 para o Atlético-PR.

"A equipe batalhou até o fim. Futebol é assim mesmo. Temos que levantar a cabeça e ir para a próxima batalha. Agradeço o carinho da torcida. Eu trocaria o nome gritado pela vitória, que é o mais importante para mim", declarou ao Sportv.

Lateral direito vascaíno, Gilberto lamentou o gol sofrido, que se resultou após uma falha do lateral esquerdo Henrique.

"O time demorou para entrar no jogo. Não conseguimos tocar bem a bola, que é o que tínhamos treinado. Tomamos um gol de bobeira nossa", disse.

O jogo foi o primeiro de uma série de seis que o Vasco terá que cumprir sem São Januário, uma vez que o clube foi punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva por conta dos episódios de barbárie no clássico com o Flamengo.

Na próxima rodada, a equipe recebe o Cruzeiro novamente no estádio Raulino de Oliveira.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos