"Em casa", Deyverson faz outro e se consolida em briga com Borja

Do UOL, em São Paulo

Deyverson fez o seu segundo gol em três jogos com a camisa do Palmeiras. Contratado por quase R$ 19 milhões, a o atacante foi o nome da vitória na noite desta quarta-feira diante do Botafogo, pela 18ª rodada do Brasileirão. O feito faz o atleta se candidatar de vez ao time titular de Cuca, vencendo a concorrência com Borja.

Ele comemorou ainda mais o fato de ter levado a sua família para acompanhar ao jogo direta ente das arquibancadas do Engenhão. Ele nasceu no Rio de Janeiro e sua família é de lá.

"Como eu falei na minha entrevista, minha vida foi muito difícil. E de todos os jogadores também. E eu estou muito feliz e agradecido a Deus aqui por ter feito o gol e por dedicar para a minha família, meus irmãos. Eles estão aqui. É um gol no meu país, na minha cidade e contra um clube grande que é o Botafogo. Quero agradecer a Deus pelo trabalho feito", disse Deyverson ao Premiere.

O jogador comentou o embalo alviverde no Nacional. Nas últimas cinco partidas, são quatro vitórias e um empate. O time chegou aos 32 pontos e manteve os 12 pontos de distância para o líder Corinthians.

"Essa vitória representa o trabalho que a gente está fazendo. Não tem essa de ser titular. Ganhamos jogos difíceis e fizemos pontos contra esses times difíceis. Somos e estamos unidos, formamos uma grande família e estamos fechados ganhando ou perdendo", completou.

O gol ainda ajuda o brasileiro a sair na frente na disputa com seu concorrente direto, que é Borja. O colombiano contratado por R$ 35 milhões não consegue alcançar a boa fase e vê seu concorrente ser titular pela terceira vez seguida mesmo após nem ter feito os treinos adequados após as férias na Europa.

Cuca comentou a diferença tática entre eles e elogiou o esforço de Deyverson para cumprir as funções táticas. "Hoje, se você não tiver essa referência, não precisa ganhar toda a primeira bola, mas disputar ela pelo menos. O adversário já não direciona do jeito que quiser. E a segunda bola é que te origina o início da jogada. É importante ter esse perfil de jogadores. Não é igual ao Borja e eles podem jogar juntos. Tanto que ganhou o jogo com os dois juntos", afirmou.

Para ajudar que Deyverson seja titular na Libertadores, o Palmeiras ainda não contará com Willian, que teve lesão muscular na coxa. O time volta a treinar nesta quinta-feira e prepara um time alternativo para enfrentar o Atlético-PR. O foco de Cuca será o jogo de quarta-feira (9), contra o Barcelona-EQU.

https://mais.uol.com.br/view/t2pjn3videvl/cuca-elogia-postura-do-palmeiras-e-diz-que-vitoria-foi-merecida-04020E9C3566E0916326?types=A&

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos