Levir cita vitória estranha do Santos e diz que não esperava gol de Alison

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

O técnico Levir Culpi não soube explicar a vitória do Santos contra o Flamengo por 3 a 2, de virada, no estádio do Pacaembu, em jogo válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Para ele, o time carioca também poderia ter vencido o embate e, por isso, ele considerou o resultado "estranho". 

"Esse é um objetivo do clube, estávamos na Libertadores, Copa do Brasil e Brasileiro. O Santos joga pela ponta do campeonato. As coisas começam a se desenhar durante a competição, muitas coisas acontecem. Os clubes tem um nível parecido, o Flamengo poderia ter saído com a vitória. São times muito equilibrados, alguns times nem sequer tem conjunto apesar de ótimos jogadores. Fiquei muito feliz pelo resultado, foi dificílimo. Foi merecido, mas foi estranho, um 3 a 2 estranho. O futebol continua sendo bom por causa disso", afirmou Levir Culpi.

Além de estranhar a vitória, o comandante santista admitiu que não esperava ver o volante Alison marcar um golaço no segundo tempo. A revelação santista entrou no lugar de Renato e empatou o jogo aos 39 minutos do segundo tempo com um chute de fora da área. A bola acertou o ângulo de Diego Alves.

"Eu também não esperava, sinceramente. Deveria esperar, mas não esperava. Um chute de meia distância. Assim como o chute do Flamengo. O futebol continua sendo bom por causa disso, não dá para decifrar bem o que acontece, mas os jogadores brilharam e isso é muito importante. O torcedor está feliz. Vivemos muito na parte emocional e isso é uma das coisas que pode conduzir o Santos as finais dos campeonatos", disse.

Alison foi uma das principais novidades de Levir Culpi no Santos. O volante estava encostado no clube durante o período em que Dorival Júnior comandou o time. O atleta, inclusive, foi emprestado ao Red Bull no Campeonato Paulista e fez a sua primeira partida pelo alvinegro praiano na temporada sob o comando de Levir.

O treinador acredita que a vitória contra o Flamengo empolga atletas e torcedores. Para ele, o time deve concorrer com os principais elencos do Brasil após a volta de jogadores lesionados. Nesta quarta-feira, ele bancou os retornos de Renato, Zeca e Kayke. Nas próximas semanas, Levir terá Victor Ferraz, Gustavo Henrique, Luiz Felipe e Nilmar.

"Vivemos muito disso, reverter um jogo como esse joga muito a torcida para cima, os jogadores ficam felizes da vida, mas temos a consciência que nos dois últimos jogos, Grêmio e Flamengo, tem um conjunto acima do Santos. Mas os jogadores são muito parecidos. Com o time que nós temos, o elenco que nós temos, os jogadores voltando do departamento médico, podemos construir um time a tempo de superar esses adversários", disse.

Com a vitória, o Santos chegou aos 34 pontos e manteve-se na terceira posição. No próximo domingo, às 19h (de Brasília), os santistas visitam o Avaí, na Ressacada, pela 19ª rodada da competição.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos