Renato diz que Grêmio merecia tomar gol e valoriza vitória em jogo ruim

Do UOL, em Porto Alegre

A vitória e nada mais. Renato Gaúcho saiu satisfeito com os três pontos, mas reconheceu que o Grêmio não fez um bom jogo contra o Atlético-GO, em duelo da 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Para o treinador, o Tricolor 'aceitou' a marcação do adversário e até merecia ter sofrido um gol antes do intervalo.

O resultado mantém a distância de oito pontos em relação ao Corinthians: 36 x 44 pontos.

"Nosso primeiro tempo não foi muito bom. Aceitamos muito a marcação, o Atlético-GO jogar e tocar a bola. Erramos muitos passes. No intervalo conversamos, acertamos umas coisinhas. O time voltou diferente, fizemos modificações. O time cresceu. Fizemos o gol. O campo não ajudou muito. Nem sempre o Grêmio vai ter a posse, vai jogar bem. Mas a raça e a determinação ajudam. Importante é que conseguimos os três pontos e seguimos na luta", comentou Renato Gaúcho.

No primeiro tempo o Grêmio foi praticamente nulo ofensivamente. E atrás, escapou por duas vezes de tomar o gol. Primeiro em grande defesa de Marcelo Grohe após chute de Walter. E na sequência em uma cabeçada de Gilvan no travessão.

"Não estivemos bem. Erramos muitos passes, o campo não é dos melhores. Mas não serve de desculpa. No primeiro tempo merecíamos ter perdido, felizmente o Atlético não achou o gol. Tive uma conversinha com eles, o time voltou mais determinado e não aceitou tanto. O resultado é o mais importante. Não adianta ter 60% de posse, mais chances e não vencer. Nós respeitamos o tempo todo o time deles, estão em situação difícil e qualquer jogo é final de Copa do Mundo. Sabíamos que o adversário ia complicar, mas melhoramos o suficiente para ganhar o jogo", disse o treinador.

A vitória veio após Renato Portaluppi fazer duas mudanças no esquema. O 4-1-4-1 primeiro se transformou em 4-2-3-1 e depois passou a ser 4-4-2 bem ofensivo. Com Léo Moura no meio-campo.

"Sempre que minha equipe joga bem e ganha, ótimo. Mas eu prefiro não jogar bem e ganhar. O Grêmio, jogando bem ou mal, ganha. Lógico que com quantidade bem maior de jogos jogando bem. Eu gosto do jeito que minha equipe joga", afirmou Renato.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos