Carille busca nova marca no líder Corinthians: não fazer faltas

Danilo Lavieri e José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

O que mais o Corinthians pode fazer para impressionar o Brasil? A resposta está com Fábio Carille: não fazer faltas. O treinador tem dado ênfase a isso no dia a dia de treinamentos no CT Joaquim Grava e chegou perto disso na noite do último sábado, no 3 a 1 contra o Sport.

No jogo em Itaquera, seus jogadores fizeram apenas duas faltas durante os 90 minutos. Mais do que isso: a primeira foi cometida apenas aos 9 minutos do segundo tempo. E o único cartão amarelo foi por Romero descumprir a ordem da arbitragem de sair de campo após ser atendido pelos médicos.

Líder do campeonato, invicto e recordista de pontos em um só turno no Brasileirão desde 2003, quando os pontos corridos viraram o sistema da disputa, os corintianos não cansam de buscar novas marcas.

"É uma coisa [não fazer faltas] que o Carille conversa bastante com a gente e, quando dá para colocar em prática, fazemos isso. O Carille sempre fala para a gente dobrar a marcação, estar sempre bem posicionado para fazer a roubada de bola. Acredito que a partida contra o Sport foi um exemplo disso. Conseguimos roubar bastante a bola sem fazer falta. É um jogo para termos como referência, também. Fico feliz com esse número de duas faltas no jogo. Estou contente por fazer parte disso", disse o volante Gabriel. 

"A gente tenta não fazer falta perto da área para os adversários não terem chance. Sempre tentamos fazer uma partida mais justa e leal, mas às vezes vamos ter de fazer alguma falta. Tentamos jogar limpo e simples", completou o zagueiro Balbuena.

Fábio Carille também falou dos ensinamentos que deu a seus jogadores e ainda se mostrou surpreso por descobrir que a sua equipe sempre tem menos posse de bola, mas é a que mais passes trocas em todo o campeonato.

"Não tenta adivinhar para antecipar o jogador, são essas coisas para evitar faltas. Na maioria dos jogos, o Corinthians tem menos posse de bola, mas é o time que mais troca passes no campeonato. Estou muito surpreso com isso, e essa semana vou buscar o porquê disso. Não tenho a resposta, vou até ver essa semana", disse o técnico. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos