Torcida xinga Zé Ricardo e cerca carro de jogadores do Fla após derrota

Pedro Ivo Almeida

Do UOL, no Rio de Janeiro

A paciência da torcida do Flamengo chegou ao final. Depois da derrota para o Vitória neste domingo (6), em plena Ilha do Urubu, os flamenguistas foram protestar na porta do camarote do presidente Eduardo Bandeira de Mello.

Durante o protesto, a torcida xingou o presidente, pediu a demissão do técnico Zé Ricardo e criticou a equipe: "time sem vergonha". Mais tarde, os torcedores chegaram a cercar os carros dos jogadores na saída do estádio.

A posição em que a torcida se posicionou para protestar era o único caminho disponível para que Bandeira de Mello deixasse o camarote. Por causa da situação, o dirigente ficou trancado no camarote esperando o clima ser amenizado. A segurança também foi reforçada no local.

O local também é o mesmo em que Tite ficou para acompanhar a partida. O treinador da seleção brasileira, porém, costuma deixar o estádio antes do final dos jogos e não houve registro de qualquer conflito.

A derrota levou o Flamengo ao terceiro jogo seguido sem vitória no Campeonato Brasileiro - nos últimos sete jogos pela competição, apenas uma vitória. A série deixou o clube carioca distante da briga pelo título. Com 29 pontos, o time rubro-negro figura na quinta colocação, com 29 pontos, 18 a menos que o líder Corinthians.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos