Victor enfrenta o Grêmio no jogo 300 pelo Atlético-MG. Robinho na reserva

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

    Victor tem 299 partidas pelo Atlético-MG. Jogo 300 vai ser contra o Grêmio

    Victor tem 299 partidas pelo Atlético-MG. Jogo 300 vai ser contra o Grêmio

Neste domingo o goleiro Victor volta a Porto Alegre, cidade em que morou entre 2008 e 2012, quando defendeu o Grêmio. Mas há pouco mais de cinco anos o arqueiro aceitou a proposta do Atlético-MG e trocou a capital do Rio Grande do Sul por Belo Horizonte. E neste domingo, Victor vai completar 300 jogos pelo Galo, logo contra o segundo clube que mais defendeu na carreira.

Se foi no Grêmio que Victor ganhou projeção nacional e chegou à seleção brasileira pela primeira vez, foi com a camisa do Atlético que ele se tornou santo para a torcida, conquistou os grandes títulos da carreira e foi convocado para disputar uma Copa do Mundo

Defesas importantes são a marca de Victor em pouco mais de cinco anos de clube e quase 300 partidas disputadas. Como um pênalti inesquecível, aos 47 minutos do segundo tempo, nas quartas de final da Copa Libertadores de 2013, contra o Tijuana. Por esse e outros milagres, que Victor é chamado de São Victor pela torcida do Atlético.

Além da Libertadores, pelo Galo, o goleiro foi campeão da Copa do Brasil, da Recopa e do Campeonato Mineiro em três oportunidades. E como o Atlético tem jogo pelo torneio continental na quarta-feira (9), contra o Jorge Wilstermann, Victor é o único titular escalado por Rogério Micale para o confronto deste domingo, com o Grêmio, às 16h, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, na Arena Grêmio.

O técnico Rogério Micale até levou os titulares para Porto Alegre, mas esses treinaram pela manhã, no CT do Internacional. O Atlético vai enfrentar o Grêmio escalado com Victor, Alex Silva, Bremer, Matheus Mancini e Leonan; Roger Bernardo, Adilson, Yago, Otero e Valdivia; Elder Santana.

A escalação só confirma o momento de baixa do atacante Robinho. Mesmo com Micale optando por uma formação alternativa, o camisa 7 sequer vai ser titular e vai ficar no banco de reservas pela terceira vez consecutiva, algo que acontece pela primeira vez desde que chegou à Cidade do Galo, em fevereiro do ano passado. Antes do confronto com o Grêmio, Robinho também ficou no banco nos jogos com Coritiba e Corinthians.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos