Marcelo Oliveira pede "capricho" ao Coritiba após derrota em Goiás

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

  • Divulgação

    Coxa de Rildo, suspenso para domingo, tropeçou no lanterna Atlético-GO

    Coxa de Rildo, suspenso para domingo, tropeçou no lanterna Atlético-GO

Faltou capricho ao Coritiba na derrota para o Atlético-GO na 20ª rodada do Campeonato Brasileiro (0 a 1), na avaliação do técnico Marcelo Oliveira. O treinador elogiou o empenho dos jogadores, mas pegou firme nas críticas quanto ao desempenho técnico. "O espírito está bom, todo mundo se doando muito, mas caprichando pouco ali na parte técnica", disse, enquanto comentava também a pouca produção ofensiva: "Um marasmo no sentido do jogo, de fluir o jogo tecnicamente, fazer as parcerias pelo lado do campo, chegar na frente".

O técnico terá a semana cheia de treinamentos para ajustar o que vê de errado no time. Sem compromissos no meio de semana, o próximo duelo será contra o Santos, 19h de domingo, no Couto Pereira. "Tem sido um problema sim essa transição do meio para a frente. Erramos muitos lançamentos, inversão de jogo, por exemplo", avaliou, na expectativa de contar com os retornos de Neto Berola, Iago e Fliligrana, três atacantes. Sobre reforços, Oliveira desconversou: "O mercado é um pouco restrito, muitas vezes aqueles que podem chegar e vestir a camisa, o clube não cede. Mas a diretoria está sempre atenta".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos