Torcida do Palmeiras protesta após nova derrota e cita até investimento

Do UOL, em São Paulo

Os jogadores do Palmeiras e a diretoria do clube foram cobrados por torcedores presentes ao Allianz Parque logo depois da derrota do time paulista para a Chapecoense na noite deste domingo. 

Tão logo acabou o duelo, muitos espectadores começaram a gritar frases de efeito. Em uma delas, até o investimento feito pela diretoria em 2017 foi citado: "Não é mole, não, muito dinheiro para pouca obrigação", gritaram.

Pouco depois, os palmeirenses que o time montado por Cuca era "sem vergonha". Antes da partida, a principal organizada do time também fez um protesto ao não mencionar o nome dos jogadores durante a escalação, como é habitual.

Na saída de campo. o zagueiro Edu Dracena, um dos líderes do elenco do Palmeiras, disse que a torcida palmeirense têm razão em cobrar boas atuações do atual campeão brasileiro. 

"Lógico que a gente se sente envergonhado, sentimento do torcedor é o mesmo que o nosso. A gente não entra para perder, entra para honrar essa camisa, pela história e tradição que tem. Infelizmente não está acontecendo como a gente quer, vamos levantar a cabeça", disse o defensor.

Com a derrota, o Palmeiras, na quarta posição, parou nos 33 pontos e viu a aproximação do Flamengo, que soma 32. Na próxima rodada, o time alviverde recebe o São Paulo no Allianz Parque no próximo domingo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos