Fator psicológico anima Cuca por arrancada após empate com "cascudo" Galo

Do UOL, em São Paulo (SP)

O Palmeiras desperdiçou a chance de ultrapassar o Santos e se fixar no G-4 do Campeonato Brasileiro ao empatar por 1 a 1 com o Atlético-MG, no Independência. Entretanto, pelas circunstâncias da partida, especialmente o fato de a equipe terminar com dois jogadores a menos com as expulsões de Luan e Willian, o resultado em Minas Gerais agradou (e muito) a comissão técnica alviverde.

Mesmo sob a possibilidade de perder um lugar dentro do G-4 neste domingo – caso o Flamengo vença o clássico contra o Botafogo -, Cuca não se mostrou preocupado. Pelo contrário, o treinador considera que o empate será fundamental para o Palmeiras, enfim, embalar dentro do Campeonato Brasileiro. O fator anímico, na visão do comandante, supera o esportivo neste fim de semana, pois, nos números, a sequência alviverde ainda é irregular – nos últimos quatro jogos foram dois empates, uma derrota e apenas uma vitória, a do clássico contra o São Paulo, ocorrido há duas semanas.

"Realmente, este empate não irá acrescentar muito em tabela, mas, em termos de confiança, vai dar em alguma coisa importante. Se não somamos três pontos, dentro do que foi o jogo, somamos um para dar uma arrancada agora", opinou o treinador do Palmeiras.

Cuca usou as próprias dificuldades com a situação encontrada pelo Palmeiras na partida (as expulsões) para justificar o fato de um ponto ser tão valorizado. A tabela se apresenta favorável para o atual campeão nacional, que terá três dos próximos quatro jogos como mandante – Coritiba, Santos e Bahia.

"Com nove jogadores, você não pode colocar um atacante. Não sei hoje o quanto este ponto poderá favorecer na tabela, mas, psicologicamente, é importante. Enfrentamos um time 'cascudo', muito bom, na casa deles e com um a menos e depois dois a menos; poderíamos até ter vencido. Dá confiança para seguir em frente e buscar esta arrancada", comentou.

Para buscar embalar de vez no Brasileirão, algo ainda na mira do Palmeiras desde o início da competição, Cuca e companhia apostarão no descanso para iniciar a semana de trabalho antes do duelo com o Coritiba, marcado para o dia 18, no Pacaembu.

Depois de deixar Minas Gerais sob elogios do próprio chefe, o elenco alviverde terá folga na segunda-feira e se reapresentará apenas na terça, na Academia de Futebol. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos