Rueda usou time misto para fazer testes para Sul-Americana e Copa do Brasil

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

A escalação do Flamengo para enfrentar o Botafogo, neste domingo (10), foi surpreendente. O técnico Reinaldo Rueda deixou jogadores importantes no banco de reservas e deu oportunidade para atletas que vinham jogando pouco. Após a partida, que terminou 2 a 0 para os alvinegros, o técnico Reinaldo Rueda explicou que fez isso para testar os jogadores antes de decisões importantes na Copa Sul-Americana e na Copa do Brasil.

Primeiro Rueda disse que não poupou jogadores por causa da Sul-Americana: "a escalação de hoje não foi para priorizar a Sul-Americana e a final da Copa do Brasil. É para dar oportunidade para quem não tem jogado com regularidade. Isso se paga", admitiu o técnico colombiano.

Logo depois, porém, ele deixou claro que tomou a decisão de escalar time misto por causa das copas: "a ideia é alternar jogadores para chegar em bom nível na Sul-Americana e na final da Copa do Brasil. Temos que saber que o jogo contra a Chapecoense é difícil também. Hoje atuaram vários dos titulares para manter ritmo e outros que estavam na reserva".

O Flamengo vai jogar pela Copa Sul-Americana na quarta-feira (13), contra a Chapecoense, fora de casa. A final da Copa do Brasil será no dia 27 de setembro.

Sobre o jogo, Rueda elogiou a atuação do Flamengo no primeiro tempo e exaltou as qualidades do adversário: "fomos bem, mas não fomos eficazes no primeiro tempo. Não finalizamos para o gol. No segundo tempo o Botafogo foi mais forte, com aplicação e com força na bola parada. Foram bem no contra-ataque. Temos que levantar a cabeça e seguir para quarta-feira", concluiu Rueda.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos