Palmeiras protocola reclamação formal na CBF contra Leandro Vuaden

Danilo Lavieri

Do UOL, em São Paulo

  • Thomás Santos/AGIF

    Edu Dracena e Jean reclamam com Vuaden

    Edu Dracena e Jean reclamam com Vuaden

O Palmeiras protocolou, nesta terça-feira (12), uma reclamação formal na CBF (Confederação Brasileira de Futebol) contra a atuação de Leandro Pedro Vuaden, árbitro do jogo contra o Atlético-MG, no último sábado. 

O placar terminou em 1 a 1, com direito a dois palmeirenses expulsos (Willian e Luan) e dois pênaltis marcados para os mineiros, com uma cobrança sedo defendida por Fernando Prass.

A decisão já havia sido anunciada logo após a partida em entrevista dada pelo presidente palmeirense, Maurício Galiotte. O ato foi oficializado nesta terça-feira em reunião na sede da Federação Paulista de Futebol.

Segundo a assessoria de imprensa alviverde, a reclamação foi acompanhada de um vídeo mostrando erros cruciais do árbitro, como um pênalti em que a bola desviou na mão de um dos atletas do Atlético-MG e do chute que Valdivia deu em Willian no lance que terminou com a expulsão do palmeirense.

Além disso, o cartão vermelho dado para Luan também foi bastante contestada. Na súmula, Vuaden explicou a sua decisão.

"Expulsei com aplicação de cartão vermelho direto o atleta, por segurar pela camiseta seu adversário, impedindo uma oportunidade clara e manifesta de gol. após a saída do atleta expulso fato este que levou dois minutos o jogo reinicio através da cobrança da penalidade".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos