Rildo diz que auxiliares se desculparam por pênalti não marcado no Atletiba

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

  • Comunicação CFC

    Rildo afirma que auxiliares pediram desculpas por pênalti não marcado

    Rildo afirma que auxiliares pediram desculpas por pênalti não marcado

O atacante Rildo, do Coritiba, disse que os auxiliares que foram ao vestiário do time após o final do Atletiba 374 na Arena da Baixada se desculparam por não terem marcado um pênalti a favor do Coxa no segundo tempo. Rildo não declinou o nome dos membros do conjunto de arbitragem. O jogo acabou 1 a 1.

"Se fosse usar o critério nos dois pênaltis, ele teria que marcar o meu. Fomos prejudicados. Os auxiliares dele, que vão pegar a assinatura do capitão no vestiário pediram desculpas", contou na zona mista após o jogo.

O conjunto de arbitragem capitaneado por Anderson Daronco tinha ainda os auxiliares Rafael da Silva Alves, Elio Nepomuceno de Andrade Junior, Michael Stanislau, Daniel Nobre Bins e Marcio C. Brum Coruja, todos do Rio Grande do Sul. "O auxiliar foi lá, falou que viu o lance e pediu desculpas. São humanos, estão sujeitos a errar, como nós também, mas isso não volta o resultado", completou Rildo.

A CBF ainda não publicou a avaliação que faz dos conjuntos de arbitragem para a 23ª rodada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos