Fagner nega injustiça por gol irregular e reclama de pênalti em Jô

Do UOL, em São Paulo

A vitória do Corinthians sobre o Vasco neste domingo saiu graças a um gol de mão do atacante Jô. Apesar da irregularidade no lance, o lateral-direito Fagner negou que tenha havido algum tipo de injustiça no resultado final e aproveitou para reclamar de um suposto pênalti não marcado em cima do próprio centroavante corintiano.

"Não foi injustiça (o resultado final) porque também teve um pênalti para a gente que o juiz não deu", disse o jogador na saída do gramado em Itaquera. O lance reclamado pelo lateral-direito aconteceu aos 39 minutos do primeiro tempo, com o placar ainda em 0 a 0, quando Jô caiu dentro da área após disputa com o zagueiro Breno. 

Polêmica à parte, Fagner ressaltou a importância dos três pontos neste domingo. O Corinthians vinha de três tropeços (duas derrotas e um empate) consecutivos na temporada.

"Essa vitória era importante para a equipe retomar a confiança. Hoje nós criamos bastante, tivemos calma e paciência para sair com um resultado importante", completou.

Com a vitória, o Corinthians ampliou de sete para dez a vantagem para o vice-líder Grêmio no Campeonato Brasileiro. O próximo compromisso da equipe alvinegra é o clássico contra o São Paulo, domingo, no Morumbi.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos