Edilson reclama de pênalti contra o Grêmio: "Cadê o árbitro de vídeo?"

Do UOL, em Porto Alegre

O jogo entre Bahia e Grêmio foi decidido no último segundo e com pênalti inexistente. Após a derrota, o lateral direito Edilson reclamou da decisão da arbitragem – ao assinalar penalidade máxima em lance dele com Allione, e lembrou a promessa da CBF sobre o uso do árbitro de vídeo.

De acordo com o camisa 2 do Grêmio, tanto ele quanto Allione escorregaram e sequer houve choque. O árbitro Luiz Flávio de Oliveira viu contato e marcou pênalti. Rodrigão converteu e definiu a vitória do Bahia.

"Eles (árbitro da linha de fundo) não ajudam em nada, se omitem na hora H. Acabaram de falar que iam botar o árbitro de vídeo. Cadê ele nessa hora?", indagou o jogador ao Sportv.

A jogada que definiu o jogo ocorreu depois dos 47 minutos do segundo tempo. Allione foi acionado na esquerda, invadiu a área e caiu após Edilson chegar perto. Segundo o lateral do Grêmio, ambos escorregaram.

"Não, não. Eu escorreguei no lance. Os dois escorregaram. Não houve choque nenhum", disse Edilson.

Com o pênalti, e a derrota, o Grêmio parou nos 43 pontos e perdeu uma posição na tabela. Depois de 12 rodadas, o time gaúcho deixou de ser o vice-líder do Brasileirão. Agora, o segundo lugar é do Santos, que venceu o Atlético-PR no sábado e soma 44 pontos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos