Egídio faz golaço, Palmeiras confirma arrancada e bate Fluminense

Do UOL, no Rio de Janeiro

Um golaço de Egídio garantiu a vitória do Palmeiras sobre o Fluminense por 1 a 0, neste domingo, no Maracanã. O lateral-esquerdo acertou um chute de rara felicidade e levou o Alviverde aos 43 pontos no Campeonato Brasileiro. Em 4º lugar, o time do técnico Cuca confirmou a arrancada com quatro jogos de invencibilidade e tem a melhor sequência entre os três rivais que estão acima na tabela - Grêmio (43), Santos (44) e Corinthians (54).

Já o Fluminense não consegue engrenar no Brasileirão. Na 12ª posição, o Tricolor soma 31 pontos, apenas quatro acima da zona de rebaixamento. São quatro rodadas sem triunfar na competição.

Na próxima rodada, Fluminense e Palmeiras têm duelos contra times que ocupam o topo da tabela. O Alviverde entra em campo no sábado (30), às 19h (de Brasília), para o clássico contra o Santos, no Allianz Parque. Já o Tricolor visita o Grêmio, domingo (1), às 16h (de Brasília), na Arena do Grêmio.

Jogo começa intenso e com times em busca do ataque

Fluminense e Palmeiras mostraram desde o começo da partida que só a vitória interessava. Os times buscaram o ataque e não optaram por uma postura mais defensiva. As jogadas pelos lados do campo eram alternativas. A primeira chance um pouco mais clara apareceu aos 17min. O time da casa quase aproveitou após bola levantada na área. Léo ganhou de Deyverson e cabeceou com perigo. As posturas não mudaram, mas as equipes passaram a insistir nas bolas longas, o que dificultou a criação de boas oportunidades.

Egídio faz golaço e coloca Palmeiras em vantagem

Embora o duelo estivesse equilibrado, o Palmeiras era levemente mais objetivo do que o Fluminense. Tal postura rendeu a vantagem no placar ainda no primeiro tempo com um golaço do lateral-esquerdo Egídio. Aos 41min, ele aproveitou o rebote após mais uma boa chegada do ataque palmeirense e soltou a bomba. O belo chute parou no ângulo e não deu chance de defesa ao goleiro Júlio César.

Moisés quase amplia no começo do 2º tempo

Diante de um Fluminense que voltou para a segunda etapa em busca do empate, o Palmeiras passou a aproveitar ainda mais os espaços deixados no sistema defensivo. Em uma das investidas, Moisés quase ampliou o placar. Aos 8min, o palmeirense aproveitou o passe de Willian e acertou a trave. A bola voltou nas mãos do goleiro Júlio César.

Fluminense responde; Prass faz boa defesa

Ainda que com espaços no ataque, o Palmeiras também deixava brechas na defesa. O Fluminense construiu a melhor oportunidade aos 17min. Wendel recebeu na esquerda após boa troca de passes e bateu forte. Fernando Prass fez a defesa para impedir o empate tricolor.

Palmeiras tem chance de matar o jogo, mas placar fica no 1 a 0

Com um Fluminense cada vez mais aberto na defesa, o Palmeiras teve chances para matar o confronto. Os visitantes, no entanto, não foram felizes nas chances criadas. A principal delas veio aos 38min, quando a bola cruzou a área depois de duas finalizações erradas de Juninho. O placar ficou mesmo no 1 a 0. Bom para o Palmeiras, péssimo para o Tricolor.

FLUMINENSE 0 X 1 PALMEIRAS

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Auxiliares: Rafael da Silva Alves (RS) e Elio Nepomuceno de Andrade Junior (RS)
Renda: R$ 353.660,00
Público: 11.208 pagantes / 13.145 presentes
Cartões amarelos: Lucas e Nogueira (Fluminense); Edu Dracena e Egídio (Palmeiras)
Gol: Egídio, aos 41min do primeiro tempo

Fluminense
Júlio César; Lucas, Nogueira, Frazan e Léo; Orejuela (Marlon Freitas), Wendel e Douglas (Sornoza); Gustavo Scarpa, Robinho (Wellington Silva) e Henrique Dourado
Técnico: Abel Braga

Palmeiras
Fernando Prass; Mayke, Edu Dracena, Juninho e Egídio; Jean (Thiago Santos), Tchê Tchê e Moisés; Willian (Borja), Deyverson (Róger Guedes) e Dudu
Técnico: Cuca

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos