Levir veta Vecchio de clássico e dá bronca em meia por exposição no Twitter

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Divulgação/SantosFC

    Vecchio revelou nas redes sociais que não jogaria o clássico e levou bronca

    Vecchio revelou nas redes sociais que não jogaria o clássico e levou bronca

O técnico Levir Culpi vetou o meia Emiliano Vecchio do clássico contra o Palmeiras neste sábado, às 19h (de Brasília), no Allianz Parque, válido pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. De acordo com a assessoria de imprensa, ele não jogará por decisão técnica.

O argentino ainda levou uma bronca do treinador por ter usado o Twiiter para revelar que não foi relacionado para encarar o Palmeiras.

"Fora da lista vs palmeiras... vou trabalhar mais forte pra ser relacionado na próxima...Santos", escreveu Vecchio na rede social.

"Realmente fiquei bravo. Acabei de falar com o Vecchio. Ele, naturalmente, me falou em 'argentino' ... Falei para ele em português. Nos entendemos, mas ele está fora do jogo ", afirmou Levir Culpi.

Vale ressaltar que foi exatamente uma postagem no Twitter revelando sua ausência de uma partida que iniciou o problema de Vecchio com o técnico Dorival Júnior. Após desentendimentos, o argentino ficou quase um ano sem defender o Santos.

Sem Vecchio e também Renato, lesionado, Levir Culpi faz mistério para escalar o time. Jean Mota ficará com a função de principal armador da equipe, enquanto Alison será o primeiro o volante. Resta definir uma vaga no meio-campo: Leandro Donizete e Matheus Jesus brigam por esta esta posição.

"Não tenho o menor interesse em falar o que estamos pensando, porém não terá grandes surpresas (escalação). Matheus Jesus teve uma fase sem jogar, é um menino. Ele pode até começar jogando. Está bem fisicamente", disse Levir, que também falou sobre Leandro Donizete.

"É um tema polêmico. Ele foi campeão da Libertadores. Não é de graça isso. É um jogador de pegada no meio, que poucos têm. Ele tem um currículo. Mas acontecem outras coisas... Temos jogadores de qualidade técnica que se aproximam mais do que penso. Se eu achar que deve jogar, vai jogar. No lugar dele, tínhamos o Thiago Maia, uma grata revelação. Mas eles não têm nada a ver, um é baixinho, outro canhoto. Vai do encaixe do time. Quando encaixa no time, todos gostam. Existe uma crítica que nosso jogo caiu no meio, e há razão. Observo as coisas e tomo decisões que não esperam", completou.

Desta forma, o Santos entra em campo com a seguinte escalação: Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Zeca; Alison, Matheus Jesus (Leandro Donizete) e Jean Mota; Copete, Bruno Henrique e Ricardo Oliveira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos