Matemática + opinião: as chances de título e queda do seu time no BR-17

Do UOL, em Santos (SP)

  • Ricardo Nogueira/Folhapress

    Corinthians tem quase 80% de chances de título, segundo o site Chance de Gol

    Corinthians tem quase 80% de chances de título, segundo o site Chance de Gol

Quais as chances do seu time ser campeão? E de chegar à Libertadores? Será que ele vai ser rebaixado? O site Chance de Gol aponta as probabilidades de tudo isso ocorrer, mas, além disso, o UOL Esporte consultou seus blogueiros para darem opiniões sobre o que deve acontecer no Campeonato Brasileiro que, a partir deste sábado (30), entra na sua 26ª rodada.

Pela matemática, o Corinthians é disparado quem tem mais chance de ser campeão, com 79,6%. Bem longe dele aparecem o Grêmio (7,2%), Santos (6,1%) e Palmeiras (5,3%).

Na luta pela Libertadores, o Corinthians só fica fora se acontecer uma catástrofe no Parque São Jorge: são 99,98% de ir ao torneio em 2018. Santos, Grêmio e Palmeiras também aparecem bem, com mais de 90%, mas já veem Botafogo na cola (68,7%). O Cruzeiro também está na parte de cima, no entanto, já tem a vaga para a competição continental garantida por conta do título da Copa do Brasil. 

Agora, para não ser rebaixado, a briga está boa. São 11 times com mais de 10% (casos de Chapecoense e Fluminense). E três com um número maior do que 50%: Ponte Preta (54%), Coritiba (61,2%) e Atlético-GO (94,7%). O São Paulo, apesar de estar hoje na zona de rebaixamento, tem menos risco, segundo a matemática, do que Avaí (49,6%), Sport (33,7%) e Vitória (26,3%). O time do Morumbi está com 22,3% de chances (saiba como funciona a matemática do site).

Agora, será que a opinião dos blogueiros do UOL Esporte bate com os números? Confira:

ALEXANDRE PRATEZEL

Corinthians será campeão. Tanto por sua regularidade como pela fraqueza dos adversários. Já está na Libertadores 2018.

Palmeiras parece mais focado neste momento para buscar o vice-campeonato. Estará na Libertadores.

Santos tinha tudo para lutar pelo título, mas inexplicavelmente abriu mão de algumas partidas, focando apenas na Libertadores. Ainda assim, acho que consegue vaga direta no torneio sul-americano. 

Grêmio montou seu melhor time dos últimos anos, mas o discurso anti-brasileiro e as mudanças constantes na equipe, deixaram o grupo concentrado só na Copa do Brasil e Libertadores. Pode ganhar o torneio sul-americano. 

Com o título da Copa do Brasil, o Cruzeiro deixará o Brasileiro para trás. Está jogando futebol para algo maior. 

Botafogo pode lutar por uma vaga direta na Libertadores. Seu elenco reduzido pode prejudicá-lo, mas estará no torneio em 2018. 

Flamengo preferiu os torneios, mas ficou com o vice na Copa do Brasil. Tem elenco para chegar entre os quatro primeiros do Brasileiro. 

Vasco luta apenas para não cair e chegar à Sul-Americana. Não acredito em Libertadores. 

Atlético-MG é a maior decepção do campeonato. Talvez com a chegada de Oswaldo de Oliveira, consiga se ajustar um pouco. Sem rebaixamento. Fica com a Sul-Americana.

Fluminense está jogando um futebol mais para escapar do Z4 do que chegar à algum torneio. Terá o Fla-Flu na Sul-Americana e isso pode aumentar a motivação. 

São Paulo lutará até o final para escapar do rebaixamento. Apesar do crescimento de produção, os resultados não aparecem como deveriam. Foge do Z4. Qualquer outra coisa, será muito lucro. 

ANDRÉ ROCHA

Corinthians - Confirma o título, mesmo que siga oscilando e reduza a vantagem. A tendência, porém, é de alta com mais semanas livres para treinamento e concentração para melhorar o desempenho. Palpite: Título

Santos - Mais uma vez vai à Libertadores, talvez repetindo a segunda colocação de 2016. No entanto, depende muito das individualidades. Uma ausência mais longa de Vanderlei ou Bruno Henrique e a chance de despencar é imensa. Palpite: G-3

Grêmio - Priorizando a Libertadores pode cair ainda mais na tabela. Se chegar à decisão pode até sair do G-6. Pode se consagrar, mas também terminar a temporada sem o que parecia tão certo. Palpite: G-6 (pelo Brasileiro)

Palmeiras - Se há alguém com chances de conseguir uma arrancada e buscar o bicampeonato improvável hoje é o time de Cuca. Tem elenco, mobilização e cultura da vitória nos pontos corridos. No G-3 é praticamente certo. Palpite: G-3

Cruzeiro - Ressaca pelo título da Copa do Brasil é o risco do Cruzeiro não conseguir se manter na zona de classificação para a Libertadores. Será até natural o relaxamento, pois não há mais nada por que lutar na competição. Palpite: zona da Sul-Americana (pelo Brasileiro).

Botafogo - A vitória sobre o Coritiba fora de casa mostrou que o time de Jair Ventura já virou a página da Libertadores. Com dedicação ao Brasileiro pode até protagonizar uma arrancada e garantir vaga diretamente na fase de grupos, mas repetir a colocação do ano passado parece o mais plausível. Palpite G-6

Flamengo - Com a perda da Copa do Brasil vai partir no desespero para a Copa Sul-Americana, com um Fla-Flu pela frente, para não terminar o ano só com um estadual. Muitas cobranças, cenário complexo. Palpite: zona da Sul-Americana (pelo Brasileiro).

Vasco - É apenas início de trabalho do técnico Zé Ricardo, com as oscilações naturais. O elenco é limitado, o clube vive turbulência político em ano de eleição. A meta deve continuar sendo a permanência na Série A, mas é possível alcançar algo melhor. Palpite: vaga na Sul-Americana

Atlético-MG - A aposta em Oswaldo de Oliveira, que não foi bem no Corinthians ano passado, é muito arriscada. Mas a curto prazo, para terminar a temporada, no comando de um elenco com muitos veteranos, pode até funcionar. A meta realista é não correr risco de rebaixamento, mas deve pescar a vaga no torneio continental de menor relevância. Palpite: vaga na Sul-Americana.

Fluminense - É preciso estar alerta. Está apenas três pontos acima do Z-4 e ainda dividindo atenções com a Sul-Americana tendo um clássico estadual e saturado de rivalidade pelo caminho. Se priorizar pode entrar na zona de rebaixamento para não mais sair. O elenco é jovem e pode sentir. Desafio para Abel Braga. Palpite: fica na Série A.

São Paulo - A situação mais dramática, porque a evolução no desempenho não se transforma na sequência de resultados positivos. Muito pelos problemas políticos no clube e decisões equivocadas da direção. Mas com sofrimento deve se safar novamente. A Ponte Preta em crise ou o Sport, em queda livre e ainda envolvido na Sul-Americana, pode cair pelo tricolor paulista. Palpite: fica na Série A.

AVALLONE

1 -  O campeão será o Corinthians, graças à sua grande campanha no primeiro turno. A diferença de sua pontuação para os concorrentes - Santos, Grêmio e Palmeiras - é muito grande.

2 - Para a Libertadores, creio que teremos Corinthians, Palmeiras, Santos, Grêmio, Botafogo e Flamengo (após o Cruzeiro ir pela Copa do Brasil).

3 -  Quanto aos rebaixados, luta intensa. É muito cedo para apontar os que verdadeiramente cairão. Acho que só o Atlético-GO está em situação quase insustentável na tabela, E na contramão de muitos prognósticos, acredito que o São Paulo não será rebaixado, pois tem vários bons jogadores (Hernanes, Cueva, Pratto, Rodrigo Caio, etc), o que deverá pesar nos momentos decisivos.

MARCEL RIZZO

Corinthians - Caiu de produção depois de uma campanha anormal no primeiro turno, mas larga vantagem deve fazer com que o título seja confirmado ao final do campeonato. Vantagem, porém, deve ser menor do que a atual quando a taça chegar.

Santos - Vai brigar com o Palmeiras pelo vice-campeonato. Vaga na Libertadores será assegurada.

Grêmio - Prioridade na Libertadores fará o time cair na tabela. Aposto que fique entre quinto e oitavo se chegar à decisão da Libertadores (o que fará poupar jogadores). Se não levar a taça sul-americana, ainda brigará pela Libertadores via Brasileiro.

Palmeiras - Vai brigar com o Santos pelo vice-campeonato. Vaga na Libertadores está assegurada. 

Botafogo - com o Cruzeiro campeão da Copa do Brasil, deve ter um rival a menos na disputa pelo torneio sul-americano.

Flamengo - Mesmo com a derrota na final da Copa do Brasil, deve ficar no G6.

Vasco - Não acredito em queda, vai ficar com vaga na Sul-Americana.

Atlético-MG - Mudanças de técnico em reta final de campeonato nunca são boas. Apesar do elenco, Atlético-MG vai brigar na pinta de baixo até o final, mas não cai.

Fluminense - Time em má fase, não pode bobear. Vai brigar para não cair.

São Paulo - Altos e baixos em campo, diretoria perdida, problemas políticos. Ingredientes que já rebaixaram vários times grandes. São Paulo vai brigar contra a queda até o fim, mas tem jogadores de qualidades que na hora H devem resolver e salvar o time.

MENON

Corinthians - Precisa de mais 18 pontos para ficar com o título brasileiro. O time está caindo, suas três derrotas vieram no segundo turno, mas a diferença é grande para o Santos, segundo colocado. Vai ser campeão, mas com uma diferença de um dígito apenas, em torno de cinco pontos.

São Paulo - Também precisa de 18 pontos, mas para evitar a queda. O time tem melhorado, fez uma boa partida contra o Corinthians, mas precisa vencer. Saiu na frente contra Corinthians e Ponte e cedeu o empate. Vai escapar e conseguir uma vaga na sul-americana.

Palmeiras - Ganhou os dois últimos jogos e, embora não tenha mostrado um grande futebol, mostrou foco e avisou geral que vai somar muitos pontos. Eu acho que é rival mais sério do Corinthians, vai atropelar, mas ficará aquela sensação de "ah, se o campeonato tivesse mais três rodadas"...

Grêmio - Não mostra pegada para enfrentar o Corinthians. Tem mais chances na Libertadores, desde que respeite o Barcelona de Guayaquil. Na final, terá um argentino duro de roer.

Botafogo - Fez mais do que se poderia esperar. E tem força e concentração para chegar à Libertadores, o que seria muito bom para as finanças do clube

Santos - Vai continuar ganhando belos jogos, vai continuar mostrando o inspirado Bruno Henrique, mas não tem constância para uma arremetida final que incomode. Conseguirá vaga na Libertadores.

Flamengo: agora tem a Sul-Americana como atalho para a Libertadores. Derrotado na final da Copa do Brasil pode sofrer uma queda anímica que impeça a vaga pelo Brasileiro.

Vasco pode sonhar com a Libertadores, principalmente se o Cruzeiro vencer a Copa do Brasil, o Flamengo a sul-americana e o Grêmio, a Libertadores desse ano. Mas é bom se cuidar contra o rebaixamento. Como trouxe Zé Ricardo, um treinador que organiza bem o time, o risco não é grande.

Atlético-MG e Fluminense estão caindo, estão jogando mal e precisam reagir porque a turma que briga contra o rebaixamento está chegando. São apenas três pontos. O Galo trocou de treinador e optou por Oswaldo de Oliveira, que não é reconhecido por fazer bom trabalho defensivo. E Abel precisa fazer o time reagir.

RICARDO PERRONE

Corinthians - Deve ser campeão. A queda no segundo turno não se mostra suficiente para tirar o título do alvinegro. A melhora de rendimento depende também da evolução de Arana após voltar de lesão.

Palmeiras - Favorito ao vice-campeonato. Fica com vaga na Libertadores sem susto. Deve evoluir ainda mais.

Santos - Garante vaga na Libertadores.

Grêmio - Priorizando a Libertadores, deve terminar entre os quatro primeiros do Brasileiro. Tendência é ficar mais longe do Corinthians por conta do torneio continental.

Cruzeiro - Agora deve relaxar e sair da zona de classificação da Libertadores.

Botafogo - Fica com vaga na Libertadores.

Vasco - Assegura vaga na Sul-Americana. O trabalho de Zé Ricardo deve evoluir.

Atlético-MG - Corre sério risco de perder a vaga na Sul-Americana. Não acredito que Oswaldo de Oliveira fará o time crescer significativamente.

Fluminense - Deve se classificar para a Sul-Americana.

São Paulo - Dificilmente escapa do rebaixamento. Coletivamente melhorou, mas as falhas individuais seguem sabotando o time. Isso costuma ser marca registrada dos rebaixados.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos