Após dois meses, Robinho volta a ser titular do Atlético-MG no Brasileirão

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Wallace Teixeira/Futura Press/Estadão Conteúdo

    Robinho será titular do Atlético-MG pelo Brasileirão

    Robinho será titular do Atlético-MG pelo Brasileirão

Neste domingo o Atlético-MG visita o Atlético-PR em busca de uma reação no Campeonato Brasileiro. Com apenas dois pontos conquistados nas últimas três partidas, o time mineiro precisa vencer o duelo desta noite, às 19h, na Arena da Baixada, pela 26ª rodada, para se afastar da zona do rebaixamento.

A grande novidade pelo lado mineiro é a presença do técnico Oswaldo de Oliveira, que vai estrear no comando da equipe. Contratado durante a semana, para o lugar do demitido Rogério Micale, o experiente treinador de 66 anos chegou à Cidade do Galo com a missão de evitar qualquer chance de queda e, se possível, brigar por uma vaga na próxima Copa Libertadores.

E para conseguir chegar logo aos 45 pontos e até mesmo sonhar com um lugar no G-6, o treinador do Galo sabe muito bem que é preciso recuperar alguns jogadores, que caíram de rendimento ou nem mesmo atuaram bem durante a temporada. É o caso de Robinho, que em campo vai ser a novidade do time alvinegro.

Já são dois meses sem que o camisa 7 do Atlético seja titular em uma partida do Campeonato Brasileiro. A última vez que isso aconteceu foi na derrota por 2 a 1 para o Vasco, na 16ª rodada do Brasileirão. Partida em que o time foi comando por Diogo Giacomini, interinamente, entre a saída de Roger Machado e a chegada de Rogério Micale.

Com o antigo treinador, Robinho se tornou um reserva do Atlético. Viu seus minutos em campo diminuírem. No Brasileirão, nenhuma vez como titular, sendo que em algumas oportunidades ele sequer entrou no decorrer das partidas. Com Micale, foram apenas três vezes entre os 11 iniciais. Contra o Botafogo, pela Copa do Brasil, no jogo que marcou a estreia do treinador, e nos duelos com Internacional e Paraná, pela Copa da Primeira Liga, já que Cazares estava com a seleção do Equador.

"Robinho é um dos grandes jogadores de todos os tempos do futebol mundial. Tive oportunidade de trabalhar com ele duas vezes no Santos, em 2005 e 2014. Fico muito triste de vê-lo no banco, sem dar a recompensa que a torcida espera. Vou conversar com ele para ver o que podemos fazer para voltar a ser o Robinho que nós conhecemos", comentou Oswaldo de Oliveira durante sua apresentação, na Cidade do Galo.

E o treinador colocou o discurso em prática. Robinho treinou como titular nos primeiros treinos com Oswaldo de Oliveira. Portanto, após dois meses amargando o banco de reservas em jogos do Brasileirão, Robinho tem a oportunidade de ser titular do Atlético mais uma vez. Motivo de comemoração não só para o próprio jogador, mas também para os companheiros. Fred é um que se mostra satisfeito com o retorno de Robinho. O centroavante viu como desperdício o tempo em que o camisa 7 ficou fora da equipe.

"Estou torcendo para o Robinho jogar também. A gente vê uma qualidade dessa como tem o Robinho fora é um certo desperdício. Estamos sentido que o Oswaldo veio para explorar o melhor de cada um. Ele sabe que aqui dentro tem muita qualidade e ele está dando muita confiança para o elenco. Quando as coisas começam assim, tendem a melhorar", disse Fred.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos