Grêmio supera Cavalieri iluminado, rompe jejum de gols e vence o Fluminense

Do UOL, em Porto Alegre

O Grêmio conviveu com uma tarde iluminada de Diego Cavalieri. Sofreu, tentou de toda forma, mas conseguiu romper o jejum de gols que beirava um mês. Beto da Silva fez aos 41 minutos do segundo tempo e o Tricolor bateu o Fluminense por 1 a 0 neste domingo (1º), na Arena.

O peruano marcou seu primeiro gol com a camisa gremista. Em lance que muito bem retrata o jogo. Foi suado. Uma pancada de Everton desviou na zaga e Beto tocou fraco para colocar nas redes.

O Grêmio pulou para 46 pontos na classificação. Está um atrás do vice-líder, Santos. E 9 atrás do primeiro, Corithians. Já o Fluminense flerta com a zona de rebaixamento. Soma 31 pontos, dois na frente do primeiro na degola.

Na próxima rodada, o Flu encara o clássico contra o Flamengo. O jogo será quinta-feira às 17h (de Brasília). Já o Grêmio joga na quarta-feira contra o Cruzeiro em Porto Alegre às 21h45 (de Brasília).

Xodó decide o jogo aos 41 do segundo tempo

Beto da Silva é xodó da torcida. O jovem peruano contratado do PSV, da Holanda, no começo do ano e que sofreu com uma série de lesões sempre teve o apoio dos aficionados. Comemorado quando entrou, o jogador usou oportunismo para decidir o jogo, sendo que o Grêmio pressionava desde o início, mas parava em Cavalieri. O Grêmio não marcava um gol sequer desde o dia 2 de setembro no Brasileiro. Mas rompeu jejum graças a Beto. 

4 defesas em 17 minutos: Cavalieri brilha no primeiro tempo

Diego Cavalieri voltou a ser titular do Fluminense após cinco meses e brilhou. De cara, evitou que o Grêmio abrisse o placar muito cedo. Em três conclusões de Jael e outra de Ramiro, o goleiro do Fluminense repetiu defesas difíceis, sendo que em um lance salvou duas vezes na mesma jogada e contou com sorte ao ver a bola bater na trave. Foi protagonista logo nos minutos iniciais. O goleiro até foi batido em chute de Patrick, mas Léo Moura, que havia dado assistência, estava impedido e o gol foi anulado. Antes do fim do primeiro tempo, Patrick, de cabeça, obrigou o camisa 1 a mais uma defesa difícil. E ele esteve lá salvando sua equipe. Só não saiu ileso porque o Grêmio tentou muito até marcar. 

Cristian faz 1º jogo no ano e sai lesionado

Desde 11 de dezembro do ano passado sem jogar uma partida oficial sequer, Cristian estreou pelo Grêmio neste domingo. O volante procura o melhor ritmo de jogo visando a Libertadores, competição na qual será inscrito a partir da semifinal. Neste domingo ainda esteve longe dos demais, e acabou substituído por conta de dores musculares ao fim do primeiro tempo. "São 300 dias sem jogar um jogo profissional. A perna chega uma hora que pesa. Muito tempo sem jogar", disse o jogador.

Testes para Libertadores: Patrick e Jael em campo

Jael e Patrick disputam um lugar na lista de inscritos para semifinal da Libertadores. E ambos começaram jogando para serem observados. Foram exatamente os principais jogadores do Tricolor no primeiro tempo. Jael teve uma série de chances de gol, parou todas em Diego Cavalieri. Com conclusões de cabeça e com os pés, o jogador tentou muito, mas foi pouco efetivo. Já Patrick, de 18 anos, chegou até a fazer um gol, mas foi anulado. Apareceu bem no ataque e municiou os companheiros. No segundo tempo, Patrick saiu por lesão aplaudido. Jael ficou até quando pôde e saiu vaiado aos 32 de partida. 

Grêmio e Fluminense pela quarta vez no ano

Foi a quarta vez que Grêmio e Fluminense jogaram neste ano. Nas três primeiras, vitória dos gaúchos. Foram duas pelas oitavas de final da Copa do Brasil e mais uma pelo Campeonato Brasileiro. E novamente o time gaúcho venceu. 

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 1 X 0 FLUMINENSE


Data: 01/10/2017 (Domingo)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Rafael Traci
Auxiliares: Ivan Carlos Bohn e Pedro Martinelli Christino
Renda: R$ 502.985,00
Público: 17.582 (total)
Cartões amarelos:  Pedro Geromel (GRE); Frazan (FLU), Lucas (FLU);
Gols: Beto da Silva, do Grêmio, aos 41 minutos do segundo tempo; 

GRÊMIO
Marcelo Grohe; Léo Moura, Pedro Geromel, Bruno Rodrigo e Cortez; Cristian (Jailson), Arthur, Ramiro, Patrick (Jean Pyerre) e Everton; Jael (Beto da Silva).
Técnico: Renato Gaúcho

FLUMINENSE
Diego Cavalieri; Lucas, Reginaldo, Frazan e Léo; Orejueja, Douglas (Peu) e Wendel (Marcos Júnior); Sornoza (Richard), Gustavo Scarpa e Henrique Dourado.
Técnico: Abel Braga

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos