Botafogo marca no fim e vira sobre a Chape com gols de substitutos de Roger

Do UOL, no Rio de Janeiro

O Botafogo se encaminhava para novo tropeço no Nilton Santos. Após ser derrotado para o Vitória, o time virou no fim e venceu a Chapecoense por 2 a 1 nesta quarta-feira. Os gols foram marcados por Brenner e Vinicius Tanque, centroavantes que substituem Roger - fora da temporada após retirar tumor renal.

Com o resultado, o Botafogo chegou aos 43 pontos e não poderá ser ultrapassado pelo Flamengo, que encara o Fluminense nesta quinta-feira, no Maracanã. O Alvinegro atualmente ocupa a sexta colocação.

A Chape, por outro lado, se mantém com 32 pontos e permanece na 12ª posição. Os catarinenses precisam abrir os olhos na luta contra o rebaixamento, já que estão a dois do Sport, que ainda entrará em campo nesta rodada.

Arnaldo 'liga turbo' em bola perdida e levanta torcida

O jogo estava sem muitas oportunidades até que um passe mais longo de Bruno Silva gerou uma situação inusitada. O zagueiro Douglas Grolli percebeu que o toque foi forte e deixou passar. Faltou combinar com Arnaldo. O lateral direito deu arrancada incrível, evitou a saída e ganhou o lateral. A torcida do Botafogo vibrou demais com a jogada.

Brenner quase marca de letra

O Botafogo pressionou bastante a Chapecoense em busca do primeiro gol, que não saiu no primeiro tempo. Um dos melhores lances ocorreu com Brenner após chute cruzado de Guilherme. O camisa 9 do Alvinegro tentou desviar de letra, mas parou no goleiro Jandrei.

Wellington Paulista aplica lençol espetacular em lateral do Botafogo

A Chape não ofereceu muito perigo ao Botafogo, mas teve um lance plástico ao seu favor. Wellington Paulista atuou mais recuado e teve que desempenhar papel importante na marcação de Arnaldo. Após recuperar uma bola, o atacante aplicou lençol espetacular no lateral alvinegro.

Chape abre placar em primeira chegada no ataque

Gatito Fernandez era mero espectador na partida já que a Chapecoense pouco ficava com a bola. E no primeiro ataque dos visitantes, aos 14min, o zero saiu do placar. Túlio de Melo cruzou na medida para Apodi marcar de cabeça. O gol mudou o clima no Nilton Santos, que virou uma panela de pressão.

Botafogo reage rápido e empata em jogada ensaiada com Brenner

Em desvantagem, o Botafogo precisou controlar os nervos para seguir na partida. Para sorte do time, o empate saiu seis minutos depois. Em jogada ensaiada, Carli ganhou de cabeça e jogou para o segundo pau. Brenner mostrou faro de artilheiro e cumprimentou para o fundo das redes, aos 20min.

Vinicius Tanque entra e marca gol da vitória no fim

Quando poucos já tinham esperança, o Botafogo tirou fôlego de onde não tinha e conseguiu somar mais três pontos no Brasileiro. E a vitória só ocorreu porque Vinicius Tanque aproveitou os poucos minutos em campo e estufou as redes. Já nos acréscimos, ele recebeu cruzamento de Pimpão e cumprimentou para as redes.

BOTAFOGO 2 X 1 CHAPECOENSE

Data e hora: 11/10/2017, às 19h30 (horário de Brasília)
Local: Estádio Nilton Santos (Engenhão)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Auxiliares: Jose Eduardo Calza e Mauricio Coelho Silva Penna (RS)
Cartões amarelo: Apodi , Douglas Grolli e Moisés Ribeiro (CHA) Matheus Fernandes (BOT)
Gols: Apodi, aos 14min, Brenner, aos 20min, e Vinicius Tanque, aos 49min do segundo tempo

Botafogo
Gatito Fernandez; Arnaldo, Joel Carli, Igor Rabello e Victor Luis; Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes (Marcos Vinicius), Bruno Silva e João Paulo; Guilherme (Rodrigo PImpão) e Brenner (Vinicius Tanque)
Técnico: Jair Ventura

Chapecoense
Jandrei; Apodi, Douglas Grolli, Fabrício Bruno e Reinaldo; Canteros, Moisés Ribeiro (Elicarlos), Lucas Mineiro e Alan Ruschel (Penilla); Wellington Paulista e Túlio de Melo
Técnico: Emerson Cris

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos