Alcançar Corinthians? Mano prega cautela e quer Cruzeiro vice-líder antes

Do UOL, em Belo Horizonte

  • © Washington Alves/Light Press/Cruzeiro

    Nada de pensar em título. Mano quer que seu time se firme na vice-liderança primeiro

    Nada de pensar em título. Mano quer que seu time se firme na vice-liderança primeiro

O pentacampeonato da Copa do Brasil, a invencibilidade de 13 partidas... E o sonho de alcançar o Corinthians no Brasileirão? A campanha do Cruzeiro no segundo turno do principal torneio nacional é animadora, mas Mano Menezes breca a empolgação exagerada sobre os seus comandados.

"A gente não está pensando no Corinthians. Eles estabeleceram uma diferença bem grande e uma pontuação alta. Amanhã se completa a rodada, ficamos em terceiro ou quarto. Temos de nos firmar aqui [na segunda posição] e, depois, buscar degrau por degrau", afirmou.

A vitória sobre o Grêmio em Porto Alegre, na noite dessa quarta-feira (11), manteve a Raposa com a melhor campanha do returno, com 20 pontos em nove partidas, e a colocou na vice-liderança do Campeonato Brasileiro. A posição, contudo, pode ser momentânea. O Santos vai a Campinas, na tarde desta quinta-feira (12), para enfrentar a Ponte Preta. Caso o time da Baixada vença o duelo, os mineiros caem para o terceiro lugar.

O Cruzeiro tem 47 pontos, mesmo número do Santos, mas tem dois jogos a mais que o time paulista. Os mineiros estão a 11 pontos do líder da competição. O Corinthians também disputou um duelo a menos.

"O futebol tem seus momentos. A gente sabe que no Brasil não há equipes indiscutíveis o ano inteiro. Há equipes que jogam o melhor futebol em determinados períodos. Tivemos Corinthians e Grêmio jogando futebol espetacular. Às vezes, em função de ausências, um time cai de rendimento. É normal".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos