A um passo do hepta, Corinthians revê primeiro turno em 'sprint final'

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

  • Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

    Corinthians conseguiu vencer três partidas seguidas na reta final do Brasileirão

    Corinthians conseguiu vencer três partidas seguidas na reta final do Brasileirão

O Corinthians alcançou o terceiro triunfo seguido no Campeonato Brasileiro ao derrotar o Avaí por 1 a 0 no último sábado. Com o empate do Grêmio diante do Vitória, o líder do Brasileirão abriu dez pontos de vantagem sobre o segundo colocado e ficou a três pontos do heptacampeonato brasileiro.

O time de Fábio Carille terá a chance, dessa forma, de garantir a conquista ao lado do seu torcedor, na Arena Corinthians, na próxima quarta-feira, contra o Fluminense. Uma vitória simples dará o título à equipe alvinegra sem que ela dependa de nenhum outro resultado da 35ª rodada. Na arrancada dos últimos três confrontos, traços do primeiro turno vieram à tona.

Depois de derrotar o Avaí com um gol de Kazim e ver o Grêmio tropeçar em Caxias do Sul, o Corinthians abriu dez pontos de vantagem para o vice-líder - o Santos, que enfrenta a Chapecoense nesta segunda-feira em Santa Catarina, pode assumira a segunda posição e ficar a nove pontos do time de Carille.

Líder desde a quinta rodada, o Corinthians consegue repetir nessa final do Brasileirão seus melhores resultados no campeonato. A vantagem até esse domingo é a maior já alcançada pela equipe no campeonato - essa distância foi registrada pela primeira vez na 13ª rodada.

Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Carille durante a vitória sobre o Avaí

O atual cenário acontece depois de um período extremamente instável. Antes de bater o Palmeiras, o Corinthians somou apenas um ponto em quatro jogos. Em seguida, o time voltou a flertar com o primeiro turno ao, por exemplo, emendar três vitórias seguidas, algo que não ocorria desde a 12ª rodada.

Se derrotar o Fluminense e alcançar a quarta vitória em sequência, o Corinthians repetirá ainda a sua melhor fase no Brasileirão, justamente na arrancada inicial. Naquela oportunidade, o time chegou a vencer seis adversários consecutivos.

A solidez defensiva apresentada no turno inicial também foi retomada nas últimas duas partidas. Depois de sofrer 14 gols nos primeiros 13 jogos do returno, o Corinthians passou ileso diante de Atlético-PR e Avaí. Isso também só havia ocorrido no primeiro turno da competição.

Fortalecido, o Corinthians soma 68 pontos na tabela do Brasileirão. Se chegar aos 71 pontos, o time não poderá mais ser superado por Grêmio, Palmeiras e Santos nas quatro rodadas derradeiras.

O líder terá desfalques para o jogo decisivo da próxima quarta-feira: o zagueiro Balbuena, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, será substituído por Pedro Henrique, enquanto Caique será mantido no gol na vaga de Cássio, que voltará ao Brasil horas antes do duelo. O artilheiro Jô, em contrapartida, voltará à equipe no lugar de Kazim.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos