Vitória abre o placar, cede empate ao Cruzeiro e se complica no Brasileiro

Do UOL, em Belo Horizonte

Vitória e Cruzeiro não saíram de um empate em 1 a 1 na tarde deste domingo (19) no Barradão. O time mandante abriu o placar com gol de David em cobrança de pênalti. Alisson, de cabeça, igualou o marcador em partida válida pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, a Raposa chega à quarta colocação, com 56 pontos, superando o Santos, que entra em campo ainda neste domingo. Os comandados de Vagner Mancini ficam na 16ª posição, com 40, um a mais que a Ponte Preta, primeira da zona de rebaixamento. Os paulistas ainda entram em campo nesta rodada.

O melhor: David marca de pênalti, mas brilha e cria as melhores chances do Vitória

Pode até parecer que ele seria eleito pelo gol, marcado em cobrança de pênalti. Mas David foi muito mais que isso no jogo ocorrido no Barradão. Além do gol, o atacante protagonizou boas jogadas e, por pouco, não marcou mais um gol no confronto ocorrido no Barradão. No lance mais belo, ele driblou Rafael Galhardo e Murilo, e tentou encobrir Fábio. A bola passou raspando o travessão da Raposa. 

Equipes passam mais de 20 minutos sem dar um chute ao gol

Pode parecer mentira, mas o jogo entre Vitória e Cruzeiro teve uma curiosidade. A primeira finalização do confronto válido pela 36ª rodada do Campeoanto Brasileiro ocorreu somente aos 20 minutos do primeiro tempo. Antes da partida se iniciar, o Vitória era dono do sexto melhor ataque, com 45 gols, enquanto o Cruzeiro ocupava a oitava posição, com 44. O curioso é que a conclusão acarretou em um gol do mandante. David marcou em cobrança de pênalti.

David marca o sexto no Brasileiro e se aproxima de artilheiros do Vitória

Revelação das divisões de base do Vitória, o atacante David chegou ao sexto gol na atual edição do Campeonato Brasileiro. O atacante é o terceiro colocado na lista de artilheiros da equipe no torneio. Ele está atrás somente de Neilton e Tréllez, com sete e oito gols, respectivamente. O garoto tem se destacado na equipe de Vagner Mancini, sobretudo pelas jogadas ofensivas.

Bryan ressurge após fazer pênalti e dá assistência para Alisson

Bryan foi um dos protagonistas do jogo válido pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. O lateral esquerdo cometeu pênalti, convertido por David, ao tocar a mão na bola no primeiro tempo. Na volta do intervalo, ele fez o cruzamento para Alisson marcar de peixinho. O atleta ainda acertou o travessão de Fernando Miguel em finalização no segundo tempo do confronto.

À procura de centroavante, Mano testa jovem, que se machuca no 1º tempo

Aos 19 anos, Jonata tem recebido oportunidades no profissional do Cruzeiro. Mas o compromisso com o Vitória foi o primeiro do atleta na condição de titular. A ideia de Mano era testar uma opção para o ataque em 2018. O problema é que o garoto revelado na base do CRB deixou o campo aos 38 minutos do primeiro tempo depois de se chocar com Patric. Ele cortou a pálpebra direita em jogada com o lateral direito e foi substituído por Élber.

Henrique acerta o travessão e pede gol em quique da bola no chão

Henrique recebeu ótimo passe de Lucas Romero na grande área e acertou o travessão de Fernando Miguel. No quique da bola no chão, uma dúvida: foi ou não gol do volante? As imagens da televisão ainda foram inconclusivas, mas a arbitragem de Luiz Flávio de Oliveira mandou o jogo seguir. Questionado sobre o fato no intervalo, o meio-campista disse à TV Globo Minas: "Acho que não entrou".

Sem homem-gol, Cruzeiro cria mais chances de marcar

Enquanto contou com Jonata (centroavante de ofício) em campo, o Cruzeiro finalizou em duas oportunidades. Léo e Henrique acertaram as traves de Fernando Miguel. Depois da saída do jovem que pertence ao CRB, a equipe foi mais vezes ao ataque. O número de chutes aumentou consideravelmente. Foram nove conclusões desde a saída do garoto de 19 anos.

Preterido por Mano, Messidoro tem segunda maior chance pelo Cruzeiro

Messidoro entrou em campo pela 4ª vez com as cores do Cruzeiro. O meia-atacante foi acionado aos 18 do segundo tempo e permaneceu no gramado por 27 minutos. Antes do jogo deste domingo, ele havia ficado 53 minutos em campo contra o Londrina, 11 minutos diante do Coritiba e um minuto frente ao Fluminense.

Trave se torna inimiga do Cruzeiro no Barradão

O Cruzeiro parou na trave de Fernando Miguel em três vezes no jogo ocorrido no Barradão. No primeiro tempo, Léo e Henrique acertaram a trave adversária. O primeiro, em lance do zagueiro, foi após falta cobrada por Bryan. A segunda, em jogada do volante, foi uma pancada no travessão. Na volta do intervalo, Bryan foi quem mandou no travessão. O lateral esquerdo recebe de Alisson e mandou no poste.

Ficha técnica
Vitória x Cruzeiro

Motivo: 36ª rodada do Brasileirão
Local: Barradão, em Salvador (BA)
Data: 19 de novembro de 2017 (domingo)
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP/Fifa)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP/Fifa) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP/Fifa)

Cartão amarelo: Kanu, Yago, Neilton (Vitória); Rafael Galhardo, Alisson (Cruzeiro)

Gols: David - 20'/1ºT (1-0); Alisson - 31'/2ºT (1-1)

Vitória
Fernando Miguel; Patric, Wallace Reis, Kanu e Geferson; Fillipe Soutto (Ramon - 22'/2ºT), Uillian Correia (Neilton - 33'/2ºT), José Welison e Yago (André Lima - 14'/2ºT); David e Tréllez. Técnico: Vagner Mancini.

Cruzeiro
Fábio; Rafael Galhardo (Judivan - 28'/2ºT), Léo, Murilo e Bryan; Henrique, Lucas Romero, Alisson, Rafinha (Messidoro - 18'/2ºT) e Giorgian De Arrascaeta; Jonata (Élber - 38'/1ºT). Técnico: Mano Menezes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos