De olho em outros quatro jogos, Galo joga sua última ficha por Libertadores

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Atlético-MG

    No G-8 por apenas quatro vezes, Galo joga última ficha por Libertadores em 2018

    No G-8 por apenas quatro vezes, Galo joga última ficha por Libertadores em 2018

O Atlético-MG não conseguiu fazer sua parte durante todo o campeonato e agora joga sua última ficha por uma vaga na Copa Libertadores de 2018. A despedida do ano será neste domingo, dentro de casa e contra um Grêmio de ressaca. Porém, o Galo já não depende somente dele e terá que ficar de olho em outros quatro jogos que o ajudarão ou não a definir seu futuro no maior torneio do continente.

O mínimo que o Atlético pode conseguir é se classificar para a Copa Sul-Americana. Ninguém esconde, porém, que o sonho é conseguir uma vaguinha pelo menos na pré-Libertadores. Para isso, o Galo terá que vencer o Grêmio e torcer por pelo menos dois tropeços de Chapecoense, Botafogo, Vasco e Flamengo. Só assim a equipe de Oswaldo de Oliveira terá chances de alcançar o G-8, algo que só aconteceu por quatro vezes em 37 rodadas.

"O Oswaldo pediu para a gente não se preocupar no que acontece durante os jogos, mas é quase impossível. Vamos fazer nossa parte e procurar saber dos outros resultados. Não é simples, a gente depende dos outros, quem sabe a vaga não vem para a gente. Todos os erros que a gente comete temos que usar para crescer, amadurecer. Pelo que a gente fez, acho que estamos na situação que a gente merece. Temos que ganhar e depender dos outros. As outras equipes fizeram por merecer estarem melhor. A gente fez por merecer estar nessa situação. Não foram os últimos dois jogos, cinco jogos", comentou o atacante Fred.

Se conseguir subir apenas uma posição e terminar o ano no 9º lugar, o atleticano ainda terá uma última oportunidade de ver seu time jogar a pré-Libertadores. Para isso acontecer, o Flamengo precisa encerrar o Brasileirão dentro do G-8 e vencer a Copa Sul-Americana, abrindo assim uma nova vaga. O time carioca entra em campo nos dias 6 e 13 de dezembro contra o Independiente, da Argentina.

Dos quatro concorrentes que o Atlético precisa secar, o Vasco é quem tem sua situação mais confortável, pois recebe a já rebaixada Ponte Preta, seguido pelo Botafogo, que pega o Cruzeiro no Rio. Em Santa Catarina, a Chape enfrenta o um Coritiba em situação alarmante contra o rebaixamento. Por fim, o Flamengo visita um Vitória que também luta pela permanência na Série A.

"Nós vamos ter que jogar para ganhar e botar nas mãos de Deus para ver o que vai acontecer nos outros resultados", acrescentou Fred.

Grêmio vai com jovens e outra comissão técnica

Ainda de ressaca por causa do tricampeonato recém-conquistado e já pensando no embarque para o Mundial de Clubes, o Grêmio levará ao Horto um time repleto de jovens. Até a comissão técnica do Tricolor gaúcho será diferente, desta vez formada com César Bueno, técnico do time sub-20.

ATLÉTICO-MG x GRÊMIO

Motivo: 38ª rodada do Brasileirão
Data/Hora: 03/12/2017, às 17h (de Brasília)
Local: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza - SP (CBF)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho - SP (CBF) e Bruno Salgado Rizo - SP (CBF)

ATLÉTICO-MG: Victor; Bremer, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Adilson e Elias; Otero, Robinho e Valdívia; Fred. Técnico: Oswaldo de Oliveira.

GRÊMIO: Bruno Grassi; Raul, Ruan, Emanuel e Conrado; Balbino, Machado, Jean Pyerre, Lucas Poletto e Dionathã; Batista. Técnico: César Bueno.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos