Expulsão injusta e gol irregular marcam empate do Flamengo com o Vitória

Do UOL, em São Paulo

Um show de erros marcou o empate em 2 a 2 do Vitória com o Flamengo, neste sábado (14). A arbitragem de Wagner Reway foi responsável por um gol irregular para a equipe carioca e uma expulsão injusta de Everton Ribeiro.

O primeiro lance aconteceu logo aos 9 minutos da primeira etapa. A arbitragem expulsou o meia Everton Ribeiro por colocar a mão na bola e evitar o gol.

O problema, contudo, é que a bola passou longe de acertar a mão de Everton Ribeiro. No chute do jogador do Vitória, a bola explodiu no rosto do jogador flamenguista. O lance deixou Everton Ribeiro com o rosto vermelho e o nariz sangrando. Apesar disso, o árbitro não voltou atrás na decisão.

Reprodução

Na cobrança, Yago bateu no ângulo direito de Diego Alves e empatou o jogo – Lucas Paquetá havia aberto o placar aos 16 segundos.

A arbitragem voltou a errar no segundo tempo, dessa vez beneficiando o Flamengo. Aos 26 minutos, Diego cobrou falta em direção à área, Willian Arão, em posição irregular, desviou, a bola ficou com Geuvânio, que tocou para o meio para Réver balançar as redes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos