Brenner explica choro durante jogo do São Paulo: "Eu me cobro bastante"

Bruno Grossi

Do UOL, em São Paulo

Uma cena chamou a atenção durante a vitória do São Paulo sobre o Paraná por 1 a 0, nesta segunda-feira (16), no Morumbi. O atacante Brenner chorou ao ser substituído por Júnior Tavares, no segundo tempo. As lágrimas foram motivadas pela performance abaixo do esperado do jovem de 18 anos, que teve a sua primeira oportunidade de atuar como titular do Tricolor com o técnico Diego Aguirre.  

"Era o sentimento de tristeza. Eu não soube aproveitar a minha oportunidade, queria dar mais e ajudar o São Paulo. Não tive uma noite iluminada. Mas o motivo é eu querer ajudar. Sei que eu me cobro bastante, então estava triste por isso. Não estava em uma noite boa, sai chateado. Não tive um ótimo rendimento, mas fiquei feliz com a vitória. Estava chorando porque eu me cobro muito e acho que não rendi o esperado", explicou o jogador.

Brenner é considerado uma das principais promessas das categorias de base do São Paulo. O jogador recebeu o apoio dos companheiros e do técnico Diego Aguirre após a vitória do São Paulo, que contou com o gol do zagueiro Bruno Alves para somar três pontos na abertura do Campeonato Brasileiro. 

O sistema defensivo deles estava bem, tive algumas oportunidade mas eu não soube aproveitar. No vestiário, falaram para eu erguer a cabeça, sou capaz de evoluir", contou o jogador. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos