M. Guilherme reclama de imbróglio SP e Atlético-PR: "Cabeça não está boa"

Bruno Grossi

Do UOL, em São Paulo

Marcos Guilherme vive dias de incerteza. Apresentado como reforço do São Paulo no ano passado, o jogador não tem certeza de qual clube vai defender no segundo semestre. Emprestado pelo Atlético-PR, o atacante assinou vínculo com o Tricolor só até o dia 30 de junho. No entanto, os clubes deixaram acordado que ele permaneceria no Morumbi até o fim de 2018. Nos últimos dias, porém, os paranaenses e os paulistas não deram certeza de que a palavra vai ser cumprida.

"Foi o que saiu na imprensa, o contrato vai até junho, mas ficaram acordados mais seis meses. Sinceramente, a minha cabeça não está boa, não estou satisfeito com essa indefinição, mas tenho de seguir. Até antes de sair essa questão do contrato, quando vocês me perguntavam, eu sempre deixava bem claro o meu carinho pelo São Paulo, então, está nas mãos do dirigentes para eles resolveram. Mas fico um pouco chateado, com a cabeça pesada, mas tenho de seguir fazendo o meu papel, o restante é com os clubes", disse o jogador.

"A minha vontade já passei para todos. Já tive uma conversa com o presidente, com outros dirigentes e mostrei a minha vontade. Agora, vai da vontade deles. Dentro do campo eu dei o meu melhor. Vou falar a verdade, eu sei que não sou nenhum craque, mas quando entro ali, não tem bola perdida. Falta técnica, mas raça e vontade nunca vão faltar. Como disse está nas mãos dos dirigentes", completou Marcos Guilherme.

A questão se tornou pública na última semana, quando foi cogitada a possibilidade de Marcos Guilherme ser envolvido na contratação de Everton, do Flamengo. O São Paulo define apenas detalhes burocráticos e deve oficializar a contratação do meia atacante em breve.

"Particularmente gosto muito do Everton como jogador. Joguei e treinei um pouco com ele no Atlético-PR em 2013 e acompanhei ele no Flamengo, é um cara que se doa para a equipe. Se vier, vai somar muito e a disputa será sadia, como já é com os outros jogadores", disse Marcos Guilheme, que participou da vitória do São Paulo por 1 a 0 sobre o Paraná, nesta segunda-feira, na abertura do Campeonato Brasileiro.

"Temos consciência de que não foi uma grande jogo, mas o importante é vencer. Início de competição ainda, são três que vão fazer diferença lá na frente", avaliou Marcos Guilherme.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos