Abusados: Jovens Rodrygo e Vinicius Júnior esbanjam habilidade em dribles

Do UOL, em São Paulo

A segunda rodada do Campeonato Brasileiro começou neste sábado (21) com apenas dois jogos, mas que foram suficientes para Rodrygo e Vinícius Júnior mostrarem por que são duas das principais promessas do futebol nacional.

Apesar da derrota do Santos por 1 a 0 para o Bahia, Rodrygo foi o destaque positivo da equipe paulista. No primeiro tempo, o atacante de 17 anos deu um chapéu no defensor, mas foi travado pela zaga ao chutar a bola na direção do gol. Ainda nos primeiros 45 minutos, a promessa alvinegra também deu um elástico no volante Gregore.

A vitória do Flamengo por 2 a 0 contra o América-MG teve Henrique Dourado e Júlio César como protagonistas, mas Vinícius Júnior também levou a torcida rubro-negra ao delírio no Maracanã. Titular da equipe, o jogador, que também tem 17 anos, deu um bonito arranque que começou após o camisa 20 colocar a bola no meio das pernas do volante Christian Savio.

'Chapelaria' entre laterais

Além das promessas, outros atletas também esbanjaram habilidade neste sábado pelo Brasileirão. O lateral esquerdo Leo Pelé deu um belo chapéu no santista Daniel Guedes antes de lançar a bola para a área. O Bahia quase abriu o placar na jogada após chute de Zé Rafael.

Criticado por parte da torcida do Flamengo, Rodinei foi outro lateral que 'abriu' a chapelaria. O jogador rubro-negro conseguiu jogar a bola por cima das cabeças de Luan e Carlinhos, e só foi parado pelo camisa 6 do América-MG com falta.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos