Novo patamar e moral elevada. O peso do jogo com o Corinthians para o Galo

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Divulgação/Atlético-MG

    Ricardo Oliveira acredita que vitória sobre o Corinthians fará Atlético-MG ser mais respeitado

    Ricardo Oliveira acredita que vitória sobre o Corinthians fará Atlético-MG ser mais respeitado

Com uma vitória sobre o Corinthians e uma improvável combinação de resultados, o Atlético-MG pode até terminar a terceira rodada na liderança do Campeonato Brasileiro. Porém, no compromisso deste domingo, às 16h, no Independência, mais do que a pontuação e a posição na tabela, o Galo busca um resultado para colocar o time em um novo patamar e elevar a confiança de todo o elenco.

Atual campeão nacional, bicampeão paulista e única equipe com 100% de aproveitamento, o Corinthians é visto como o adversário ideal para o Atlético conseguir dar esse salto de qualidade e se colocar em condições de disputar algo importante na competição. Após uma série de mudanças, por causa da condição financeira, que não é mais como foi nas temporadas passadas, o Galo entrou no Brasileirão com uma equipe bem mais modesta e não colocado entre os favoritos, bem diferente do que aconteceu nas últimas edições.

"É um jogo que é muito importante, porque é o atual campeão e, se a gente ganha esse jogo, além de um golpe de autoridade, a gente soma seis pontos e começa a estar no lugar onde gostaríamos de estar. A sequência nossa é assim e estamos muito bem para esse jogo", disse o atacante Ricardo Oliveira, projetando o Atlético na zona de classificação para a Copa Libertadores, algo que não aconteceu em nenhuma rodada em 2017.

"A gente vai pegar um time muito bem organizado. Não tem maneira diferente deles jogarem, jogam assim há muito tempo, são jogadores que se conhecem muito bem. Precisaremos ser bem estratégicos e firmes diante de um time que é firme e junta bem as suas linhas. Vamos ter que ter muito cuidado para não proporcionar ao Corinthians o que eles gostam de fazer, que é usar os espaços e jogar nos contra-ataques", completou o atacante, que espera uma nova grande atuação do Atlético, assim como aconteceu no primeiro clássico da final do Mineiro.

E assim como aconteceu antes do triunfo por 3 a 1 sobre o Cruzeiro, o Galo teve uma semana de preparação para enfrentar o Corinthians. Tempo comemorado pelo técnico Thiago Larghi, que aproveitou para treinar algumas situações. Por isso, embora tenha a possibilidade de repetir a escalação que iniciou diante do Vitória, Larghi não confirma qual será o Atlético que começará jogando contra o Corinthians.

"A equipe não está definida exatamente. O modelo de jogo, porém, não muda mesmo trocando as peças. Estamos analisando alguns detalhes, mas não está 100% definido. Bom que tivemos tempo para testar alternativas e treinar situações que a gente precisa melhorar".

Nada de "Galo Doido" neste domingo

Uma das marcas do Atlético nas últimas temporadas foi a forma de atacar os adversários. Uma equipe que se lançava ao ataque, com muitos jogadores na frente. Ao mesmo tempo que isso fazia o time alvinegro criar diversas oportunidades, proporcionava muitos espaços para os adversários. O estilo de jogo foi apelidado de "Galo Doido".

Para vencer o Corinthians, uma equipe reconhecidamente forte na defesa e que sabe aproveitar bem os espaços dados pelos rivais, o Atlético está ciente que não vai poder se lançar ao ataque. O experiente lateral Fábio Santos, que fez sucesso no clube paulista e hoje é um dos jogadores mais respeitados do Galo, pede uma postura inteligente diante do líder do Brasileiro. E isso passa muito pela torcida, que no Independência sempre cobra um Atlético em cima dos adversários.

"Todo mundo sabe a maneira de como se deve jogar contra o Corinthians. Se a gente quiser ser aquele 'Galo Doido' dos últimos anos, vamos perder mais um jogo dentro de casa. O Thiago vai ser inteligente, criar uma estratégia importante, pois sabe que o Corinthians joga atrás da linha da bola, joga por poucas oportunidades e quando faz o gol, dificilmente é vazado novamente. Então temos de fazer um jogo inteligente para conseguir a vitória".

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG x CORINTHIANS

Data: 29 de abril de 2018, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Competição: Campeonato Brasileiro (3ª rodada)
Local: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA)
Assistentes: Helcio Araujo Neves e Heronildo S Freitas da Silva (ambos do PA)

ATLÉTICO-MG: Victor, Patric, Bremer, Gabriel e Fábio Santos; Adilson, Gustavo Blanco; Otero, Roger Guedes, Luan; Ricardo Oliveira.
Técnico: Thiago Larghi

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel e Maycon; Romero, Jadson, Rodriguinho e Clayson.
Técnico: Fábio Carille

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos